Editores e Colaboradores : Mauro Nahoum (Mau Nah), José Sá Filho (Sazz), Arlindo Coutinho (Goltinho); David Benechis (Bené-X), José Domingos Raffaelli (Mestre Raf) in memoriam, Luciana Pegorer (PegLu), Luiz Carlos Antunes (Llulla) in memoriam, Ivan Monteiro (I-Vans), Mario Jorge Jacques (MaJor), Gustavo Cunha (Guzz), José Flavio Garcia (JoFla), Alberto Kessel (BKessel), , Gilberto Brasil (BraGil), Reinaldo Figueiredo (Raynaldo), Claudia Fialho (LaClaudia), Marcelo Carvalho (Marcelón), Marcelo Siqueira (Marcelink), Pedro Wahmann (PWham), Nelson Reis (Nels), Pedro Cardoso (o Apóstolo) e Carlos Augusto Tibau (Tibau).

BLOG CRIADO em 10 de maio de 2002

14 fevereiro 2009

RANKING DE EXECUÇÕES E VENDAS EM DESTAQUE

A despeito do link para este ranking semanal habitar nossa coluna fixa da esquerda como "Ranking CMJ Jazz", volta e meia me dou ao trabalho de publicá-lo aqui com um pouco mais de destaque.
Considero-o útil apenas para que tenhamos alguma idéia sobre a que/quem se está dando atenção nos EUA e assim, eventualmente, possamos descubrir algum nome novo no panorama.
Não é, em absoluto, endosso ou recomendação de coisa alguma, apenas uma visão do que rola nas rádios universitárias, comerciais e lojas que se dedicam, prioritariamente, ao jazz. Abraços.

2 comentários:

edú disse...

A situação nos EUA economicamente esta tenebrosa.O jazz acompanha esse diapasão.Bruce Lundvall ,CEO da Blue Note ,esta prestes a se aposentar e a EMI tem compromisso pessoal com ele de não fechar o selo enquanto ele não esvaziar as gavetas.Bad Plus e Jane Monheit q gravavam pela Sony estão em selos menores.E Medenski Martin and Wood não esta mais na Blue Note.Dave Holland foi para um selo menor q o Justin Time e o ECM.Então – concluí-se – pelo exame da planilha q as alternativas estão sendo escolhidas.

Tenencio disse...

Otimo comentario,Edú.
Business a parte vejo que Benny Golson,Mccoy Tyner e Sonny Rollins entre os 10 primeiros junto a Bad Plus e Medesky e etc mostram uma saudavel mistura de gerações e estilos que creio só existir no jazz. Golson é um dos grandes compositores da historia do jazz, Rollins um dos pais do sax tenor moderno ao lado de Coltrane e Mccoy é o pianista que gravou "A Love Supreme",uma das obras primas fundamentais do jazz. Os tres influenciaram milhares de musicos em todo o mundo ,sendo que Rollins e Golson ha mais de 50 anos.
Preservando o que é fundamental o jazz esta sempre se renovando pois esses artistas não pararam no tempo,evoluiram mantendo suas caracteristicas,que são tão marcantes.
Abraço