Editores e Colaboradores : Mauro Nahoum (Mau Nah), José Sá Filho (Sazz), Arlindo Coutinho (Goltinho); David Benechis (Bené-X), José Domingos Raffaelli (Mestre Raf) in memoriam, Luciana Pegorer (PegLu), Luiz Carlos Antunes (Llulla) in memoriam, Ivan Monteiro (I-Vans), Mario Jorge Jacques (MaJor), Gustavo Cunha (Guzz), José Flavio Garcia (JoFla), Alberto Kessel (BKessel), , Gilberto Brasil (BraGil), Reinaldo Figueiredo (Raynaldo), Claudia Fialho (LaClaudia), Marcelo Carvalho (Marcelón), Marcelo Siqueira (Marcelink), Pedro Wahmann (PWham), Nelson Reis (Nels), Pedro Cardoso (o Apóstolo) e Carlos Augusto Tibau (Tibau).

BLOG CRIADO em 10 de maio de 2002

SANTOS JAZZ FESTIVAL HOMENAGEIA TOM JOBIM

26 julho 2016

divulgação

Tom Jobim é o grande homenageado na quinta edição do Santos Jazz Festival, que vai acontecer entre os dias 28 a 31 de Julho.
Antecipando as comemorações do 90° aniversário do maestro soberano, que se completaria em janeiro de 2017, o festival do litoral paulista antecipa a homenagem.
Uma edição de festival cheia de aniversários - cinco anos de Santos Jazz, 30 anos de Pinacoteca Benedicto Calixto e 70 anos de Sesc.

Em seus cinco anos de vida, o Santos Jazz Festival priorizou o melhor da música brasileira. A prova disso foram as escolhas de seus homenageados com a presença dos mesmos: Hermeto Pascoal em 2012, Egberto Gismonti em 2013, César Camargo Mariano em 2014 e  João Donato em 2015.

Confira a programação -

Quinta, 28 de julho
Abertura no Teatro do Sesc Santos (R$6  R$10  R$20)
Esse ano o festival evoca nosso maestro soberano, Antônio Carlos Brasileiro de Almeida Jobim, e antecipa as comemorações de seus 90 anos com a presença da Nova Banda Tom Jobim, apresentando sua obra máxima, composta por familiares de Tom - Paulo (filho) e Daniel Jobim (neto).

Sexta, 29 de julho
Palco externo da Rua XV, no Centro Histórico de Santos
A diversidade toma conta do festival. A partir das 19 horas a cantora santista Babi Mendes sobe ao palco com um super grupo, o Jazzfônico, mostrando porque é considerada uma revelação no mundo do jazz;
O francês Nicolas Krassik seleciona e transforma temas conhecidos da música brasileira com seu trio que sobe ao palco a partir das 21 horas;
Fechando a noite, a banda de dixieland veterana em festivais, Orleans Street Jazz Band, faz um show meio a meio, na rua e no palco. Interação total com o público.

Sábado, 30 de julho
Praça Mauá
Às 13 horas o guitarrista Mauro Hector se apresenta com seu trio, dentro do projeto da secretaria de turismo, Feira Feijão com Arte que reúne artistas, artesãos e restaurantes do Centro Histórico
Pinacoteca Benedicto Calixto
Filó Machado & Cibele Codonho, às 17h, fazem o show Tom Brasileiro, fruto do CD homônimo;
Às 19h entregam o palco para outra dupla, eMPathia Jazz Duo, junção da  cantora Mafalda Minozzi com o guitarrista Paul Ricci (EUA).

Palco da Rua XV de Novembro/Centro Histórico
A mistura entre o jazz e o samba com Sambália Trio e Rafaella Laranja, a partir das 14 horas;
Às 16 horas, Patricia Nóbrega canta jazz, blues e soul music acompanhada pelo seu quinteto;
BRCombo chega às 18 horas com seu show instrumental e o repertório com Tom Jobim, Hermeto Pascoal, Moacyr Santos, Egberto Gismonti;
Às 20 horas o power trio Dog Joe chama a cantora Xandra Joplin pra uma noite eletrizante, e mostra porque está sendo considerada a revelação da cena blueseira atual;
Fecha noite com Big Chico, evocando o maior bluesman de todos os tempos, B.B. King.

Domingo, 31 de julho
Pinacoteca Benedicto Calixto  (Gratuito)
Às 16, o Quarteto de Cordas Martins Fontes convida a cantora Kika Willcox para a apresentação de Con"S"ertando;
Às 18 horas é a vez do multi instrumentista Alexandre Birkett apresentar toda a sua versatilidade nas cordas;
Encerramento no Teatro do Sesc Santos (Ingressos: R$6, R$10 e R$20) com a espetacular Banda Mantiqueira, como convidada a cantora Mônica Salmaso.

A música se encontra com as artes plásticas e o cinema com a "Exposição Design no Jazz", na Pinacoteca Benedicto Calixto, abre no sábado, dia 30, às 16h; e o "Cine Jazz", entre os dias 29 e 31, no Cine Arte Posto 4 com sessões às 18h30.
As oficinas musicais acontecem na sede do Clube do Choro de Santos -
Sexta, 29 de julho, das 14 às 17 horas : Niclolas Krassik em "O Violino no Jazz e as fusões com a MPB".
Sábado, das 10 às 13 horas, Filó Machado em "Improvisação no Jazz".

Quando estiver no festival curtindo o bom e velho jazz, aproveite também para curtir a paisagem arquitetônica do Centro Histórico de Santos. Algumas das locações ficam em pontos turísticos da cidade, como o palco da Rua XV, coração do comércio cafeeiro brasileiro.
Planeje a sua chegada mais cedo. No entorno desse palco, em bares tradicionais, pode-se beber um café como o santista adora, forte e com pouco açucar.
A Rua XV também fica perto do Museu Pelé e da própria Bolsa do Café, às bordas do Porto de Santos, por onde escoa toda a produção de café do Brasil para o mundo.
A Pinacoteca Benedicto Calixto abriga, além da arquitetura, um acervo do pintor que lhe dá o nome, num lindo casarão branco, em frente a Praia do Boqueirão.

Serviços:
Sesc Santos - Rua Conselheiro Ribas, 136 – Aparecida.
Cine arte Posto 4 - Av. Vicente de Carvalho, s/n (perto do Canal 3).
Pinacoteca Benedicto Calixto Av. Bartolomeu de Gusmão, 15 – Boqueirão.
Clube do Choro de Santos – Rua XV de Novembro, 68 – Centro.

O Santos Jazz Festival é um projeto aprovado pelo Ministério da Cultura via Lei Rouanet.

Patrocínio Master – Porto de Santos
Patrocínio – Caixa, G. Pieroti
Co- patrocínio – Nita Alimentos
Agência oficial – Latam
Hotel oficial – Novotel

Apoio cultural: Sesc, Enfoque, CBN, Associação dos Artistas, TV Tribuna, Clube do Choro de Santos.
Realização: DC Realizações, Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil e Ministério da Cultura.

www.santosjazzfestival.com.br

2 comentários:

Anônimo disse...

Grande contribuição de nosso editor Guzz! Estavamos com saudade ds suas postagens tão completas sobre Festivais, caro Gustavo. Se vc. for até lá, vamos ficar no aguardo das "reportagens" especiais que costuma fazer.

Grande abraço e vê se não some daqui (como eu!), rsss.

MauNah

pedrocardoso@grupolet.com disse...

Uma grandeza que já vai completando "idade" ! ! !
E se tem a "MANTIQUEIRA" é sinônimo da mais alta qualidade em som, arranjos, músicos de ponta = é assunto sério !

PEDRO CARDOSO