Editores e Colaboradores : Mauro Nahoum (Mau Nah), José Sá Filho (Sazz), Arlindo Coutinho (Mestre Goltinho); David Benechis (Bené-X), José Domingos Raffaelli (Mestre Raf) in memoriam, Luciana Pegorer (PegLu), Mario Vieira (Manim), Luiz Carlos Antunes (Mestre Llulla) in memoriam, Ivan Monteiro (I-Vans), Mario Jorge Jacques (Mestre MaJor), Gustavo Cunha (Guzz), José Flavio Garcia (JoFla), Alberto Kessel (BKessel), Gilberto Brasil (BraGil), Reinaldo Figueiredo (Raynaldo), Claudia Fialho (LaClaudia), Marcelo Carvalho (Marcelón), Marcelo Siqueira (Marcelink), Pedro Wahmann (PWham), Nelson Reis (Nels), Pedro Cardoso (o Apóstolo) e Carlos Augusto Tibau (Tibau).


BLOG CRIADO em 10 de maio de 2002

P O D C A S T # 481

30 agosto 2019

EDDIE BERT


SONNY CRISS



PARA BAIXAR O ARQUIVO DE ÁUDIO USAR O LINK ABAIXO E CLICAR EM BAIXAR


CJUB - Nova produção em 20.09.2019 - Mancini's Best com BJBB

26 agosto 2019

O CJUB Jazz & Bossa produziu de maio de 2003 a agosto de 2019, 35 Concertos (os detalhes de cada um deles seguem abaixo) que ficaram na memória dos cariocas que apreciam a boa musica.

É com muita satisfação que recordamos que no próximo DIA 20.09.2019 (sexta feira), às 21:00, o CJUB e o Manouche trarão mais um programa IMPERDÍVEL, o Concerto de número 36, o quarto em 2019.

MANCINI'S BEST
BAIXADA JAZZ BIG BAND (BJBB)
Com 5 saxes, 4 trombones, 4 trompetes, piano, baixo, bateria e guitarra.

Esperamos reencontrar todos no Manouche

------------------------------------------------------------------------

O CJUB e seus 35 ENCONTROS MUSICAIS anteriores:

(32 CONCERTOS, 2 EVENTOS INTERNACIONAIS COM O BRAZILIAN JAZZ TRIO E UMA JAM SESSION)

01
20.05.03
Piano – Dario Galante
Sax Alto – Idriss Boudrioua
Trompete – Jesse Sadock
Baixo – Augusto Mattoso
Bateria – Guilherme Gonçalves

02
25.06.03
Baixo - Dodô Ferreira
Sax tenor – Daniel Garcia
Piano – Marco Tommaso
Bateria – Pedro Strasser

03
30.07.03
Piano – Sheila Zagury
Trompete – Wander Nascimento
Sax – Fernando Trocado
Baixo – José Luis Maia
Bateria – Kleberson Caetano

04
19.08.03
Baixo - Edson Lobo
Trompete, flugelhorn, e trombone de válvulas - Paulinho Trompete
Sax-alto e flauta – Ricardo Pontes
Piano - Fernando Moraes
Bateria - Wallace Cardoso

05
25.09.03
RIO DE JANEIRO JAZZ TRIO
Piano – Dario Galante
Baixo – Paulo Russo
Bateria – Andrew Scott Potter

06
29.10.03
TRIBUTO A CHARLIE PARKER
Baixo - Adriano Giffoni
Sax Alto - Idriss Boudrioua
Trompete e Fluegelhorn - Altair Martins
Guitarra - Felipe Poli
Bateria - Amaro Junior

07
26.11.03
JAZZ PANORAMA, UM TRIBUTO A JORGE GUINLE
Piano - Hamleto Stamato,
Baixo - Augusto Mattoso
Bateria - Kleberson Caetano
Trompete - Paulinho Trompete
Sax Tenor - Widor Santiago
Trombone - Roberto Marques

CJUB CHIVAS JAM
17.12.2003
Piano – Osmar Milito
Baixo – Augusto Mattoso
Bateria – Rafael Barata

I CHIVAS JAZZ LOUNGE INTERNATIONAL COM O BRAZILIAN JAZZ TRIO
21.01.04
Piano – Helio Alves
Baixo – Nilson Matta
Bateria – Duduka da Fonseca

08
28.01.04
TRIBUTO A BILL EVANS
Piano – Helio Celso
Baixo – Sergio Barroso
Bateria – Alfredo Gomes

09
25.03.04
TRIBUTO A JOHN COLTRANE
Piano – Kiko Continentino
Baixo – Sergio Barroso
Bateria – Pascoal Meirelles
Sax Tenor e Soprano – Nivaldo Ornellas

10
29.04.04
TRIBUTOS A SONNY ROLLINS E CHET BAKER, COM O QUINTETO LIDERADO POR WIDOR SANTIAGO
Sax Tenor – Widor Santiago
Trompete – Paulinho Trompete
Piano – Hamleto Stamato
Baixo – Rodrigo Villa
Bateria – Erivelton Ribeiro

11
27.05.04
TRIBUTO A RICHARD ROGERS, COM MARKOS RESENDE QUARTETO
Piano - Markos Resende
Baixo – Alberto Lucas
Bateria – Bob Wyatt
Trompete – Daniel D`alcantara

12
01.07.04
TRIBUTO A BILLY STRAYHORN, COM JOSÉ LOURENÇO SEXTETO
Piano – José Lourenço
Sax Tenor – Daniel Garcia
Trompete – Altair Martins
Trombone – Gilmar Ferreira
Baixo – Augusto Matoso
Bateria – André Tandeta

13
29.07.04
TRIBUTO A DEXTER GORDON, COM O QUINTETO LIDERADO POR DANIEL GARCIA
Sax Tenor – Daniel Garcia
Piano - Dario Galante
Baixo - Augusto Mattoso
Bateria - Rafael Barata
Trompete – Altair Martins

14
26.08.04
NEW YORK JAZZ
Banjo – Eddy Davis
Clarineta – Orange Kellin
Piano - Conal Fowkes

15
30.09.04
TRIBUTO A VICTOR ASSIS BRASIL
Sax Alto – Idriss Boudrioua
Piano – Fernando Martins
Baixo – Paulo Russo
Bateria – Xande Figueiredo
Guitarra – Alex Carvalho

16
28.10.04 -
WANDA SÁ IN CONCERT
Cantora – Wanda Sá
Piano – Adriano Souza
Baixo – Dôdo Ferreira
Bateria – João Cortez

17
25.11.04
VICTOR BIGLIONE ORGAN TRIO
Guitarra – Victor Biglione
Órgão – José Lourenço
Bateria – André Tandeta

18
31.03.05
O SOM DO BECO DAS GARRAFAS – DAVID FELDMAN TRIO
Piano – David Feldman
Baixo – Jorge Helder
Bateria – Rafael Barata

19
28.04.05
LEGRAND POUR IDRISS
Sax Alto – Idriss Boudrioua
Piano – Alberto Chimelli
Baixo – Alex Rocha
Bateria – Xande Figueiredo
Guitarra – Alex Carvalho

20
31.05.05
PETERSON POR PERANZETTA
Piano – Gilson Peranzetta
Baixo – Paulo Russo
Bateria – João Cortez

21
07.07.05
TRIBUTO A TOOTS THIELEMANS
Harmônica – José Staneck
Piano – Luis Avellar
Baixo – Paulo Russo
Bateria – Rafael Barata
Guitarra - Marcos Amorim
Sax Soprano – Henrique Band

22
28.07.05
MICHAEL CARNEY & GUILHERME GONÇALVES QUINTETO
Vibrafone & Steel Drum – Michael Carney
Bateria – Guilherme Gonçalves
Piano – Glauton Campelo
Baixo – José Santa Roza
Sax Alto – Idriss Boudrioua

23
01.09.05
JAZZTOR PIAZOLLA
Sax tenor - Blas Rivera
Piano - Marcos Nimrichter
Bandoneón – Renato Hanriot
Violino – Ana de Oliveira

24
29.09.05
O TOM DO JAZZ
Piano – Haroldo Mauro Jr.
Baixo – Sérgio Barroso
Bateria – Rafael Barata

25
27.10.05
CJUB DREAM NIGHT - HOMENAGEM A JOSÉ DOMINGOS RAFFAELLI
Piano – Dario Galante
Baixo – Paulo Russo
Bateria – Rafael Barata
Sax Alto – IdrissBoudrioua
Sax Tenor – Daniel Garcia
Trompete – Jesse Sadock
Trombone – Vittor Santos

26
26.11.2005
A GUITARRA NO JAZZ
Guitarra – Helio Delmiro
Piano – Alberto Chimelli
Baixo – Sergio Barrozo
Bateria – Kleberson Caetano

II CHIVAS JAZZ LOUNGE INTERNATIONAL COM O BRAZILIAN JAZZ TRIO
26.01.06
Piano – Helio Alves
Baixo – Nilson Matta
Bateria – Duduka da Fonseca

27
02.02.2006
O SOM DO BECO DA GARRAFAS II
Piano – David Feldman
Baixo – Nilson Matta
Bateria – Duduka da Fonseca

28
07.04.2006
“DEAR ELLA” TRIBUTO A ELLA FITZGERALD - JANE DUBOC & VICTOR BIGLIONE SExteto
Voz – Jane Duboc
Guitarra – Victor Biglione
Piano - Alberto Chimelli
Baixo – Sergio Barroso
Bateria – André Tandeta
Sax Alto – Idriss Boudrioua
Sax tenor – Daniel Garcia
Trompete – Jesse Sadock

29
27.04.2006
CJUB@CLASSICO.JAZZ
Piano – Luiz Avellar
Baixo – Sergio Barroso
Bateria - Carlos Bala

30
23.02.2019
LEGRAND PAR IDRISS
Sax Alto - Idriss Boudrioua
Piano - Eduardo Farias
Baixo - Sergio Barrozo
Bateria - Emile Saboule
Fluegelhorn - Altair Martins

31
15.06.2019
AFRO CARIBBEAN JAZZ

Henrique Band, direção, arranjos, saxofones barítono e soprano;
Rafael Rocha, trombone;
Jessé Sadoc, trompete;
Marcos Nimrichter, piano;
Jefferson Lescowich, contrabaixo;
Andre Fróes, bateria;
César Brunet, percussão.

32
16.08.2019
SAMBAJAZZ JAZZ SAMBA
Duduka da Fonseca Trio
Bateria - Duduka da Fonseca
Piano - David Feldman
Baixo - Guto Wirtti

FILME SOBRE LEE MORGAN NA NETFLIX



LEE MORGAN foi um dos grandes trompetistas do estilo hardbop e sua influência dura até hoje. Mas sua vida foi truncada por tiros de pistola por causa do ciúme de sua esposa, em 1972.
Recentemente foi publicado o livro "A Dama que Atirou em Lee Morgan", escrito por Larry Reni Thomas, sobre a mulher que, num momento insensato, atirou no lendário trompetista, matando-o.
Após o documentário "I Called Him Morgan" correr o mundo, depois de ser lançado no Festival de Cinema de Veneza, há dois anos, agora está entre os documentários de jazz da Netflix, acessíveis aos fãs de jazz.
O filme foi escrito e dirigido pelo cineasta sueco Kasper Collin, com filmagens musicais e baseado em uma longa entrevista com Helen Morgan, a mulher que se casou com Morgan, que o ajudou a resgatar sua vida artística e finalmente o matou em fevereiro de 1972, porque suspeitava que Morgan namorava uma mulher mais jovem.
Este é o segundo filme sobre músicos de jazz de Kasper Collin, o primeiro foi chamado "Meu nome é Albert Ayler" (lendário saxofonista de jazz).
Lee Morgan tinha apenas 33 anos de idade. Helen, que aparentemente sofria de problemas mentais, foi mandada para a cadeia por alguns anos. Quando foi libertada sob fiança, passou algum tempo em sua casa na Carolina do Norte, onde foi entrevistada por escritores, jornalistas e documentaristas antes de morrer em março de 1996.
Kasper Collin passou sete anos trabalhando em seu documentário sobre o famoso trompetista.
O filme sobre Morgan já foi exibido em um bom número de festivais de cinema.
(traduzido e adaptado do blog Noticias de Jazz)




CRÉDITOS DO PODCAST # 480

25 agosto 2019

LIDER
EXECUTANTES
TEMAS / AUTORES
GRAVAÇÃO  LOCAL / DATA
BENNY CARTER
Benny Carter (sa,arranjo), Phil Woods (sa), Coleman Hawkins, Charlie Rouse (st), Dick Katz (pi), John Collins (gt), Jimmy Garrison (bx) e Jo Jones (bat)
CRAZY RHYTHM
(Irving Caesar / Roger Wolfe Kahn / Joseph Meyer)
New York, 13/novembro
/1961
CHERRY
 (Ray Gilbert / Don Redman) 
WARDEL GREY
Wardell Gray (st), Phil Hill (pi), James "Beans" Richardson (bx) e Art Mardigan (bat)
BLUE GRAY (Wardell Gray)
Detroit, 25/abril/1950
GRAYHOUND
 (Wardell Gray) 
SHORTY ROGERS
The Big Shorty Rogers Express formada por: Shorty Rogers, Conte Candoli, Pete Candoli, Harry "Sweets" Edison, Maynard Ferguson (tp), Bob Enevoldsen, Milt Bernhart, Frank Rosolino, George Roberts (tb), John Graas (trompa), Paul Sarmento (tu), Charlie Mariano, Art Pepper (sa), Bill Holman, Jack Montrose (st), Jimmy Giuffre (sbar), Lou Levy (pi), Ralph Pena (bx) e Stan Levey (bat)
PAY THE PIPER
(Shorty Rogers)
Los Angeles, 5/julho/1956
PINK SQUIRREL
(Shorty Rogers)
CLAUDE BOLLING
Robert Fassin, Fred Gerard, Roger Guerin, Maurice Thomas, Henri Van Haeke (tp), Andre Paquinet, Benny Vasseur, Gaby Vilain (tb), Gerard Badini (cl), Jo Hrasko, Rene "Mickey" Nicolas (sa), Pierre Gossez, Marcel Hrasko (st), Armand Migiani (sbar), Claude Bolling (pi), Pierre Michelot (bx) e Arthur Motta (bat)
MUSKRAT RAMBLE
(Kid Ory / Ray Gilbert)
Paris, janeiro/1957
HIGH SOCIETY
(Walter Melrose / Porter Steele)
RON HOCKETT
Ron Hockett (cl), John Sheridan (pi), James Chirillo (gt), Phil Flanigan (bx) e Jake Hanna (bat)
STRANGE BLUES
(Joe Manone / Wingy Manone) 
New York, 16/janeiro/2008
IF DREAMS COME TRUE
(Benny Goodman Edgar Sampson)
KARRIN ALLYSON 
Karrin Allyson (vcl) acc Mulgrew Miller (pi) Danny Embrey (gt), Peter Washington (bx) e Lewis Nash (bat )
LOVE ME LIKE A MAN
(Chris Smither)
New York, 14/fevereiro
/2002
HUM DRUM BLUES
(Oscar Brown, Jr.)
LYLE 'SPUD' MURPHY 
Abe Most (cl,fl), Jack Dumont (cl,sa) Russ Cheever (sa), Chuck Gentry (b-cl, sbar), Buddy Collette (st, fl), Andre Previn (pi), Curtis Counce (bx) e Shelly Manne (bat) e Spud Murphy (arranjo, direção)
PEMBA 
(Lyle "Spud" Murphy) 
Los Angeles, 16/agosto/1955
FOURTH DIMENSION
(Lyle "Spud" Murphy)
GENE AMMONS
Gene Ammons (st, ldr), Joe Newman (tp), Brother Jack McDuff (org), Wendell Marshall (bx), Walter Perkins (bat) e Ray Barretto (cga)
STORMY MONDAY BLUES
 (T-Bone Walker) 
Englewood Cliffs, N.J., 28/novembro
/1961

P O D C A S T # 4 8 0

23 agosto 2019

RON HOCKETT 
KARRIN ALLYSON  

LYLE 'SPUD' MURPHY  

WARDEL GREY 









PARA BAIXAR O ARQUIVO DE ÁUDIO USAR O LINK ABAIXO E CLICAR EM BAIXAR

https://www.4shared.com/mp3/DRvaPtw_da/PODCAST_480.html









O LEGADO ATIVO DE COUNT BASIE

21 agosto 2019





No aniversário de COUNT BASIE ─ (21 de agosto de 1904),vamos dar uma olhada no grupo atual que leva seu nome.
A lendária COUNT BASIE ORCHESTRA, atualmente conduzida pelo baterista DENNIS MACKREL (que o próprio Basie contratou há 31 anos), vem tocando nos últimos meses em várias cidades dos Estados Unidos e continuará fazendo shows em seu país. A banda teve residência no famoso clube de jazz Birdland, em Nova York, assim como em outros.
Há três anos, para celebrar os 80 anos do grupo, a orquestra fez turnês internacionais com uma agenda apertada de shows em várias cidades do Japão, onde o jazz goza de alta popularidade, assim como na Austrália e na Nova Zelândia. Este grupo já havia estado nesses países em outras ocasiões.
Anteriormente, a orquestra vencedora de 18 Grammy Awards tocara no famoso clube de jazz de Londres ─ Ronnie Scott e em várias outras capitais europeias.
Anteriormente, a orquestra Count Basie fez uma turnê de sucesso na Austrália, onde seu concerto principal foi na prestigiada e espetacular Sydney Opera House. Este grupo visitou a Austrália várias vezes após a morte de Basie, dirigido por diferentes músicos, mas essa foi a primeira vez que a direção ficou a cargo do baterista mencionado.
A Count Basie Orchestra foi uma das mais conhecidas da era de ouro do swing e das big bands, mas nos anos 50 e 60 evoluiu, adaptando-se especialmente ao bop e hard-bop, particularmente em relação aos solistas. Tal como outros grandes grupos, como o de Duke Ellington, esta orquestra continua a tradição de Basie, com novos músicos. Atualmente conta com18 membros.

(traduzido e adaptado do blog Noticias de Jazz)


EM DVD A CONTRIBUIÇÃO DAS MULHERES PARA O JAZZ

19 agosto 2019




O aclamado documentário sobre a história da contribuição feminina para o jazz, THE GIRLS IN THE BAND, já comentado várias vezes, continua sendo exibido nos cinemas americanos, mas não nos circuitos de distribuição comercial. Durante muito tempo, apenas um número limitado de DVDs foi vendido aos espectadores. Agora está disponível para o público em geral, através da internet.
O filme documenta a participação de instrumentistas (e vocalistas) do jazz a partir dos anos 1930, quando o meio era dominado por músicos homens e era francamente hostil à participação de mulheres em grupos musicais e orquestras.
O impressionante é a qualidade e a imensa quantidade de mulheres que contribuíram com sua arte para o desenvolvimento do jazz, no entanto foram relegadas ao esquecimento depois de terem recebido pouco ou nenhum crédito.
Mulheres havia em todos os tipos de instrumentos. O filme é generoso em documentos de filmes e gráficos da história do jazz, bem como em grande número de entrevistas com mulheres do jazz, historiadores, escritores e críticos de jazz. Os narradores também se alternam e incluem músicos que tocaram nos anos 30 e 40, como a saxofonista Roz Cron e a pianista Marian McPartland. Este filme trata o assunto com muito humor e algum sarcasmo, sem perder em nenhum momento a abordagem profissional e seu domínio histórico.
O documentário THE GIRLS IN THE BAND, da diretora Judi Chaikin, estreou há quatro anos em Manhattan e já ganhou mais de uma dúzia de prêmios importantes: "Melhor Documentário" no Festival Internacional de Cinema de Palm Spring; "Favorito do público" no Festival de Cinema de Victoria e no Festival de Cinema de Omaha; "Melhor documentário musical" no Docutah Film Festival, e "Melhor documentário" no High Falls Film Festival e outros.
(traduzido e adaptado do blog Noticias de Jazz)


CRÉDITOS DO PODCAST # 479

18 agosto 2019

LIDER
EXECUTANTES
TEMAS / AUTORES
GRAVAÇÕES LOCAL e DATA
ALAN BROADBENT
Alan Broadbent (pi), Harvie Swartz (bx) e Billy Mintz (bat)
FINE AND DANDY
 (Paul James / Kay Swift)
New York/novembro/ 2018
CATHERINE RUSSELL
Catherine Russell (vcl), Matt Munisteri (gt e director musical), Mark Shane (pi), Jon-Erik Kellso (tp), John Allred (tb), Evan Arntzen (st), Dana Lyn (violino), Eddy Malave (viola), Marika Hughes (cello), Tal Ronen (bx) e Mark McLean (bat)
ALONE TOGHETER
(Howard Dietz / Arthur Schwartz)
Sear Sound, Studio New York, 22/Agosto/2018
STEVE DAVIS 
Steve Davis (tb), Josh Evans (flh), Mike DiRubbo (sa), David Bryant (pi), Dezron Douglas (bx) e Eric McPherson (bat)
THE MODERNIST
  (Steve Davis)
New York, c.2009
ROY PALMER
Roy Palmer (tb), Darnell Howard (cl,sa), Jimmy Blythe (pi), Ed Hudson (bj)e Alfred Bell (kazoo,wbd)
BARRELHOUSE STOMP
(Jimmy Blythe)
Richmond, Indiana, 19/março/1931
DAVID BERGER
Marcus Belgrave, Bob Millikan, A.J. Bernstein, Brian Pareschi,Steven Bernstein (tp), Jerry Dodgion (cl, fl), Jerome Richardson (sa), Mark Hynes, Bill Easley (st), Jay Brandford (sbar), Wayne Goodman, Art Baron, Britt Woodman (tb), Isaac Ben Ayala (pi), Dennis Irwin (bx), Jimmy Madison (bat) e David Berger (arranjo, condução)
SWINGIN' AT CLUB SWEETS
(David Berger / Duke Ellington / Billy Strayhorn )
Clinton Studios, New York, 5/janeiro/1999
OSCAR PETERSON
Oscar Peterson (pi), Ray Brown (bx) e Ed Thigpen (bat)
WALTZ FOR DEBBY
(Bill Evans / Gene Lees)
Chicago, 25/setembro/1962
ZIMBO TRIO
Amilton Godói ao piano, Luís Chaves no contrabaixo e Rubinho Barsotti na bateria
CRAVO E CANELA
(Milton Nascimento / Ronaldo Bastos)
Rio de Janeiro, 1986
WYNTON MARSALIS
Wynton Marsalis(tp,ldr), Marcus Printup (tp), Wycliffe Gordon (tb), Ted Nash (cl), Walter Blanding (st), (Don Vappie (gt), Dan Nimmer (pi), Carlos Henriquez (bx) Ali Jackson (bat) e Reno Wilson (vcl)
I THOUGHT I HEARD BUDDY BOLDEN SAY
(Jelly Roll Morton)
New York, 2018
ART TATUM
Art Tatum (piano solo)
IN A SENTIMENTAL MOOD
(Duke Ellington/Manny Kurtz )
Ray Heindorf's Home, Beverly Hills, CA, 3/julho/1955
ROBERT JOHNSON
Robert Johnson (gt, vcl)
ME AND THE DEVIL BLUES
 (Robert Johnson)
New York, 23/novembro/1936
DUTCH SWING COLLEGE BAND
Dutch Swing College At The Sportpalast: Oscar Klein (tp), Dick Kaart (tb), Peter Schilperoort (cl,) Arie Ligthart (bj), Bob van Oven (bX) e Louis de Lussanet (bat)
MILENBERG JOYS
(Jelly Roll Morton)
Live at "Sportpalast", Berlin, 24/janeiro/1962
JACK SHELDON
Jack Sheldon (tp), Walter Norris (pi), Bob Whitlock (bx) e Larance Marable (bat)
WHAT IS THERE TO SAY
 (Vernon Duke / E.Y. Harburg) 
Los Angeles, 4/abril/ 1955
DAVE GRUSIN BIG BAND
Arturo Sandoval, Randy Brecker, Chuck Findley, Byron Stripling (tp,flh), George Bohanon (tb), Phillip Bent (fl), Eddie Daniels (cl), Nelson Rangell, Eric Marienthal (sa), Ernie Watts, Bob Mintzer (st, arranjo) Tom Scott (sbar), Dave Grusin (pi,arr), John Patitucci (bx) Dave Weckl (bat)
BLUES FOR HOWARD
(Dave Grusin)
Live at "Gotanda Kan-i Hoken Hall", Tokyo, 31/janeiro/1993

P O D C A S T # 4 7 9

16 agosto 2019


ROY PALMER

ROBERT JOHNSON



PARA BAIXAR O ARQUIVO DE ÁUDIO USAR O LINK ABAIXO E CLICAR EM BAIXAR 

DIANA KRALL E TONNY BENNETT CELEBRAM GERSHWIN

13 agosto 2019




Os famososs cantores DIANA KRALL e TONY BENNETT estão no mercado com o álbum "Love Is Here To Stay" ─ um tributo ao gênio dos irmãos George e Ira Gershwin, compositores de grandes "padrões" do chamado songbook americano. O que é surpreendente é que eles não colaboraram em nenhum álbum antes.
No passado, os dois fizeram turnê juntos e gravaram duetos para os álbuns de Bennett, mas esta é a primeira vez que eles trabalham juntos em um projeto cujo produto final é um álbum completo.
Ambos são multi-vencedores de prêmios Grammy e ganharam discos de platina por recordes de vendas. Bennett é o único artista que aos 85 e 88 anos, respectivamente, chegou ao topo do cartaz com dois álbuns diferentes, e Diana Krall é a única cantora que tem a seu crédito oito álbuns que alcançaram o primeiro lugar na Billboard Magazine como estréia de discos de jazz.
As gravações do álbum foram feitas com o trio do pianista Bill Charlap, o que significa que nesta ocasião Diana Krall não toca piano.
O repertório inclui composições de Gershwin já gravadas individualmente por ambos em ocasiões anteriores, como “S’Wonderful,” “They Can’t Take That Away From Me,” “I Got Rhythm,” e “Do It Again” - além disso duas canções inéditas por esses dois artistas: "My One and Only" e "I've Got a Crush on You".


(traduzido e adaptado do blog Noticias de Jazz)


CRÉDITOS DO PODCAST # 478

11 agosto 2019

LIDER
EXECUTANTES
TEMAS / AUTORES
GRAVAÇÕES LOCAL e DATA
DON BYAS
Don Byas (st), Johnny Guarnieri (pi), Al Hall (bx) e Sidney Catlett (bat)
SUPER SESSION
 (Don Byas)
New York, 12/setembro/1945
Don Byas (st), piano e bateria desconhecidos
OH LADY BE GOOD
(George Gershwin)
gravação feita no apartamento de Timme Rosenkrantz em Nova York - 1947
Buck Clayton (tp), Don Byas (st), Johnny Guarnieri (pi), Eddie Safranski (bx) e Denzil Best (bat)
THEM THERE EYES
 (Maceo Pinkard / Doris Tauber / William Tracey)
New York, 27/junho/ 1945
Bill Coleman (tp), Don Byas (sa), e os franceses Bernard Peiffer (pi), Jean Bouchety (bx) e Roger Paraboschi (bat)
JUST YOU, JUST ME
 (Jesse Greer / Raymond Klages)
Paris, 4/janeiro/1949
Don Byas (st), Georges "Geo" Daly (vib), Christian Chevallier (pi), Pierre Michelot (bx) e Richie Frost (bat)
LINGER A WHILE
(Harry Owens / Vincent Rose)
Paris, 18/julho/1952
Don Byas Ree-Boppers: Peanuts Holland (tp), Don Byas (st), Billy Taylor (pi), Jean-Jacques Tilche (gt), Jean Bouchety (bx) e Buford Oliver (bat)
WALKING AROUND (Don Byas)
Paris, 27/janeiro/1947
Don Byas (st), Billy Taylor (pi), Jean Bouchety (bx) e Buford Oliver (bat)
BODY AND SOUL
(Johnny Green / Robert Sour, Edward Heyman e Frank Eyton)
Paris, 6/janeiro/1947
Idrees Sulieman (tp), Don Byas (st), Bud Powell (pi), Pierre Michelot (bx) e Kenny Clarke (bat)
MYTH (Pierre Michelot)
Paris, 15/dezembro/1961
Don Byas (st), Erroll Garner (pi), Slam Stewart (bx) e Harold "Doc" West (bat)
THREE O'CLOCK IN THE MORNING
(Julián Robledo / Dorothy Terriss)
New York, 30/agosto/1945
Don Byas (st), Jan Johansson (pi), Georg Riedel (bx) e Egil Johansen (bat)
I GOT RHYTHM
(George Gershwin / Ira Gershwin)
Live at "Nalen", Estocolmo, Suécia, 2/fevereiro/ 1962
Don Byas (ts) e o trio de Beryl Booker (pi), Bonnie Wetzel (bx) e uma baterista Elaine Leighton (bat)
MAKIN' WHOOPEE
 (Walter Donaldson / Gus Kahn)
Paris, fevereiro/1954
Don Byas (st), Bent Axen (pi), Niels-Henning Orsted Pedersen (bx) e William Schiopffe (bat)
ANTHROPOLOGY
(Dizzy Gillespie / Charlie Parker) 
Live at "Jazzhus Montmartre" Copenhagen, Dinamarca, 14/janeiro/1963
Don Byas (st), Jan Johansson (pi), Georg Riedel (bx) e Egil Johansen (bat)
I REMEBER CLIFFORD
(Benny Golson)
Live at "Nalen", Estocolmo, Suécia, 2/fevereiro/ 1962