Editores e Colaboradores : Mauro Nahoum (Mau Nah), José Sá Filho (Sazz), Arlindo Coutinho (Goltinho); David Benechis (Bené-X), José Domingos Raffaelli (Mestre Raf) in memoriam, Luciana Pegorer (PegLu), Mario Vieira (Manim), Luiz Carlos Antunes (Llulla) in memoriam, Ivan Monteiro (I-Vans), Mario Jorge Jacques (MaJor), Gustavo Cunha (Guzz), José Flavio Garcia (JoFla), Alberto Kessel (BKessel), Gilberto Brasil (BraGil), Reinaldo Figueiredo (Raynaldo), Claudia Fialho (LaClaudia), Marcelo Carvalho (Marcelón), Marcelo Siqueira (Marcelink), Pedro Wahmann (PWham), Nelson Reis (Nels), Pedro Cardoso (o Apóstolo) e Carlos Augusto Tibau (Tibau).


BLOG CRIADO em 10 de maio de 2002

CONCERTO GLOBAL DO DIA DE JAZZ NA AUSTRÁLIA, 30 DE ABRIL

17 abril 2019


 Estrelas do jazz se reunirão em Melbourne




  
Desde 2012, o "Dia Internacional do Jazz" (30 de abril) foi oficialmente criado pela Organização das Nações Unidas (UNESCO) – tendo  Herbie Hancock como embaixador Cultural -- comemorado com concertos oficiais em Nova Iorque ( 2012), Istambul (2013), Osaka (2014), Paris (2015), Washington (2016), Havana, Cuba (2017) e Nova Orleans (2018).
O MÊS do jazz também é patrocinado pelo Thelonious Monk Jazz Institute.
Entre os artistas confirmados estão: Cieavash Arian (Irã), William Barton (Austrália), Brian Blade (EUA), A Bu (China), Igor Butman (Federação Russa), Theo Croker (EUA), Joey DeFrancesco (EUA), Eli Degibri (Israel), Kurt Elling (EUA), James Genus (EUA), Paul Grabowsky (Austrália), Antonio Hart (EUA), Matthew Jodrell (Austrália), Aditya Kalyanpur (Índia), Ledisi (EUA), Jane Monheit (EUA), James Muller (Austrália), Eijiro Nakagawa (Japão), Mark Nightingale (Reino Unido), Jeff Parker (EUA), Chico Pinheiro (Brasil), Tineke Postma (Holanda), Eric Reed (EUA), Antonio Sanchez (México) , Somi (EUA), Ben Williams (EUA), Lizz Wright (EUA) e Tarek Yamani (Líbano) e outros que ainda não foram anunciados.
"Month of Jazz" culmina todos os anos desde 2012, com esses concertos "oficiais" em qualquer capital do mundo, mas também há celebrações musicais semelhantes em muitas partes do mundo. Em alguns casos, em várias cidades do mesmo país.
Herbie Hancock há dois anos e Chucho Valdes foram os diretores musicais do evento. Este ano será Herbie Hancock e James Morrison (Austrália). Nos dias anteriores, a 24 de abril, haverá oficinas em Melbourne, seminários, concertos e master classes oferecidos pelos visitantes e músicos nacionais.
O mesmo será feito em outras partes do mundo.
O mês e o Dia Internacional de Jazz têm o objetivo de ─ "promover a paz, o diálogo entre as diferentes culturas, diversidade, respeito pela dignidade e os direitos humanos, eliminar a discriminação racial, promover a liberdade de expressão, apoiar a igualdade de gênero e reforçar o papel da juventude na implementação das mudanças sociais ".
Abaixo mapa de lugares no mundo onde haverá também celebrações para o "Dia Internacional de Jazz" deste ano:


(traduzido e adaptado do blog Noticias de Jazz)


Nenhum comentário: