Editores e Colaboradores : Mauro Nahoum (Mau Nah), José Sá Filho (Sazz), Arlindo Coutinho (Goltinho); David Benechis (Bené-X), José Domingos Raffaelli (Mestre Raf) in memoriam, Luciana Pegorer (PegLu), Luiz Carlos Antunes (Llulla) in memoriam, Ivan Monteiro (I-Vans), Mario Jorge Jacques (MaJor), Gustavo Cunha (Guzz), José Flavio Garcia (JoFla), Alberto Kessel (BKessel), , Gilberto Brasil (BraGil), Reinaldo Figueiredo (Raynaldo), Claudia Fialho (LaClaudia), Marcelo Carvalho (Marcelón), Marcelo Siqueira (Marcelink), Pedro Wahmann (PWham), Nelson Reis (Nels), Pedro Cardoso (o Apóstolo) e Carlos Augusto Tibau (Tibau).

BLOG CRIADO em 10 de maio de 2002

Um abraço no Tião

05 novembro 2015

Se vivo estivesse, o amigo Tião Neto estaria completando hoje 84 anos. Remexendo numa pasta de recortes e fotos, encontrei uma matéria sobre ele e resolvi pesquisar mais e fazer um programa em sua homenagem. Não encontrei na internet muitas matérias nem muitas fotos dele mas, o que consegui, usei na montagem de mais um programa da série A Magia Da Bossa. Lembro com muitas saudades como o conheci. Eu fui amigo de ginásio do irmão dele, o Claudio e, pelo menos 2 vezes por semana estudávamos juntos na casa deles. No final das contas eu e Claudio ouvíamos mais Jazz do que estudávamos. Tião foi nos apresentando aos grandes ícones do Jazz daquela época, tais como, Stan Kenton, George Shearing (que ele adorava), Shorty Rogers, Frank Rosolino, Dave Brubeck e até aos The Four Freshmen, além de muitos outros. Os Lps eram de 10 polegadas que ele tratava com muito carinho. Anos depois ele nos levaria até a "morada" do Jazz e da Bossa Nova, o Bottles Bar, no Rio de Janeiro. Ficávamos encantados com as apresentações ao vivo do que seria no futuro um movimento que dominou o mundo. Nossas vidas tomaram rumos diferentes e só no final dos anos 60 fui encontra-lo novamente no programa O Assunto É Jazz, do amigo Lula. na rádio Difusora Fluminense em Niterói. Encontrávamos também com frequência, aos domingos pela manhã, na Feira do Colecionador na rua do Passeio, numa praça em frente a Mesbla, no Rio de Janeiro. Fico muito feliz em poder fazer esta homenagem ao meu querido amigo Tião Neto que foi mais um amigo que passou pela minha vida e marcou uma importante presença.
Um forte abraço amigo Tião e parabéns.

https://youtu.be/-wmrv6lA_uc

6 comentários:

MARIO JORGE JACQUES disse...

Sensacional, também tive contato com Tião Neto no Assunto é Jazz que visitava às vezes, costumava levar umas salsas para desespero do Lula, tinha que rodar aquelas salsas. Era um cara gentil, grande praça e meu livro Glossario do Jazz teve origem quando fomos a Atibaia dar palestras e Tião levou um glossário com 40 verbetes sobre o jazz, daí minha idéia de ir ampliando o que fiz por 12 anos antes de virar livro.

pedrocardoso@grupolet.com disse...

Excelente idéia e realização, já que TIÃO foi figura permanente no conhecimento e difusão do JAZZ e, claro, da "bossa nova".
Ademais das "salsas" era comum TIÃO presentear os programas do LULA com as fitas que ele gravava nos U.S.A. (emissora KKDO) e que, invariavelmente, nos traziam boas novidades.
apostolojazz

pedrocardoso@grupolet.com disse...

Em tempo: como é bom poder ouvir os comentários e a história descrita com tanto carinho, acompanhados pelo som do "Bossa 3" (Vinhas, Tião e "seu" Machado) em plena forma. Uma delícia ! ! !

Nelson disse...

Meu prezado Tibáu,

Parabéns, por um trabalho "de primeira ordem" sobre o nosso finado amigo, que se foi e, deixou indelével o seu trabalho na música de "Bossa & Jazz".
Conheci Tião em 1958 em casa do, também saudoso, "Mr.Jones", Foi num concurso de "melhor LP de jazz, dos Saúvas" . Lembro-me - como agora - que Tião levou um LP do Cal Tjader, mas Hélio "Saturday" Rodrigues, levou o prêmio com a "Helen Merrill com Clifford Brown".
Belas passagens trazidas por vc. sobre Tião no YouTube. Lembrando ainda que Tião tocou com Sergio Mendes na Casa Branca, em Washington (US) e, lembro-me de uma foto dele junto com Nixon.
O Cláudio, provavelmente, poderá ainda tê-la.
MUITO BOM seu trabalho e bela homenagem - mais que merecida - a um músico saudoso e, amigo.
Obrigado.
"Nels"

Anônimo disse...

Muito bom programa relembrando grandes musicas, e homenagem ao Tião Neto parabens.
Carlos Lima

Tibau disse...

Caros amigos.
Agradeço os elogios e fico feliz em ter podido deixar marcado uma homenagem para um amigo tão querido.
Forte abraço para todos
Tibau