Editores e Colaboradores : Mauro Nahoum (Mau Nah), José Sá Filho (Sazz), Arlindo Coutinho (Goltinho); David Benechis (Bené-X), José Domingos Raffaelli (Mestre Raf) in memoriam, Luciana Pegorer (PegLu), Luiz Carlos Antunes (Llulla) in memoriam, Ivan Monteiro (I-Vans), Mario Jorge Jacques (MaJor), Gustavo Cunha (Guzz), José Flavio Garcia (JoFla), Alberto Kessel (BKessel), , Gilberto Brasil (BraGil), Reinaldo Figueiredo (Raynaldo), Claudia Fialho (LaClaudia), Marcelo Carvalho (Marcelón), Marcelo Siqueira (Marcelink), Pedro Wahmann (PWham), Nelson Reis (Nels), Pedro Cardoso (o Apóstolo) e Carlos Augusto Tibau (Tibau).

BLOG CRIADO em 10 de maio de 2002

HOMENAGEM À ROY HAYNES

15 maio 2012


Por sua “extraordinária contribuição à música americana”, o veterano baterista Roy Haynes será homenageado em cerimônia de graduação pelo “Conservatório Peabody” com a medalha “George Peabody”. Tal entidade integra a “Universidade John Hopkins” de Baltimore. O octogenário Roy Haynes que tocou com os grandes músicos da fase moderna do Jazz, inclusive Charlie Parker, atuou e gravou dentro dos importantes estilos do Jazz, do swing ao “avant-garde”.

4 comentários:

I-Vans disse...

Ninguém me pergutou mas vou escrever: já assisti ao Roach (nas últimas), T. Williams, DeJonhette, Billy Hart, Higgins, Jimmy Cobb, Al Foster, Art Taylor, Cobham, Chico Hamilton, Connie Kay, Blackwell, Thigpen, Belson (nas penúltimas), Grady Tate, Rocker, Idris, Motian, LaRoca e Gadd. Considerando somete a turma que nasceu antes dos 1960 ninguém e páreo para o lendário e inigualável Roy Haynes! Classe, condução, propulsão, bom gosto, e aquela inquietação dos gênios é pra poucos. Viva Roy Haynes!!
Ivan Monteiro

Anônimo disse...

"E sempre com um bom vinho", segundo as palavras do próprio quando de sua mais recente estada entre nós (São Paulo, Bourbon Street, 2000, Danilo Perez / piano, John Paittucci / Baixo e Haynes / bateria).
Um dos que participaram da escrita do livro.

APÓSTOLO

Anônimo disse...

[Re]Apareceu o margarido!
I-Vans, seu ?@#$%&*+!, quanta honra, bro!
Vê se não some. Ou será que seremos obrigados a só colocar assunto sobre o Roy Haynes, cumpadi?
E nem vem dizer que trabalha muito tá?
Vai ter Ouro Preto este ano? Faz um post antecipativo, caraca!

(Aquela imprecação lá em cima é para você sentir saudade daquela noite de pizza na Guanabara!)

Quando aparece, véi?
MauNah
Abração.

I-Vans disse...

Caríssimo Mauro,
trabalho muito, tá!
Não sei nada sobre OP... mas sobre o Savassi Festival sei tudo!! Kenny Werner, Ari Hoenig, Shai Maestro entre tantos outros craques tocarão aqui em BH (com prováveis idas ao RJ e SP).
Manterei os amigos informados.
Inesquecível noite na Pizzaria Guanabara. Batismo de fogo!!!
Abraço,
Ivan Monteiro