Editores e Colaboradores : Mauro Nahoum (Mau Nah), José Sá Filho (Sazz), Arlindo Coutinho (Goltinho); David Benechis (Bené-X), José Domingos Raffaelli (Mestre Raf) in memoriam, Luciana Pegorer (PegLu), Luiz Carlos Antunes (Llulla) in memoriam, Ivan Monteiro (I-Vans), Mario Jorge Jacques (MaJor), Gustavo Cunha (Guzz), José Flavio Garcia (JoFla), Alberto Kessel (BKessel), , Gilberto Brasil (BraGil), Reinaldo Figueiredo (Raynaldo), Claudia Fialho (LaClaudia), Marcelo Carvalho (Marcelón), Marcelo Siqueira (Marcelink), Pedro Wahmann (PWham), Nelson Reis (Nels), Pedro Cardoso (o Apóstolo) e Carlos Augusto Tibau (Tibau).

BLOG CRIADO em 10 de maio de 2002

10 ANOS DE RIO DAS OSTRAS JAZZ & BLUES

20 abril 2012

divulgação

Mais de cem bandas nacionais e internacionais e cerca de oitocentas horas de shows. O Rio das Ostras Jazz & Blues comemora dez anos e se firma como o maior festival gratuito de jazz e blues da América Latina e um dos dez maiores do mundo.

De 6 a 10 de junho, Rio das Ostras, balneário a 170 km do Rio de Janeiro, se transformará, pela décima vez, na cidade do jazz e do blues. Serão cinco dias de festival, 29 shows gratuitos, e mais de 60 horas de boa música, com apresentações às 11h15min (Praça de São Pedro), 14h15min (Lagoa do Iriry) 17h15min (Praia da Tartaruga) e 20h (Costazul).

A décima edição do festival revisitará shows que marcaram as edições anteriores como os de Mike Stern e Romero Lubambo, Michael Hill, Celso Blues Boy e Roy Rogers, considerado o show de blues mais eletrizante da história do festival; e trará atrações inéditas em seus palcos, entre elas, o pianista Kenny Barron, o saxofonista David Sanborn, o guitarrista Duke Rubillard, o baterista Billy Cobham, o baixista camaronês Armand Sabal-Lecco e os brasileiros Maurício Einhorn, Hélio Delmiro e Cama de Gato.
Durante o festival, o público também poderá curtir e se divertir ao som da Orleans Street Jazz Band, street band de jazz tradicional e dixieland  liderada por Edu Mark.

Em dez anos foram mais de cem bandas e cerca de oitocentas horas de shows. Uma mistura de estilos e tendências musicais, apresentando um importante painel do blues e do jazz no Brasil e no exterior.
Hoje, o Rio das Ostras Jazz & Blues é considerado o maior festival de jazz e blues gratuito da América Latina, além de ter figurado no ranking da Down Beat como um dos dez maiores festivais de jazz e blues, gratuitos, do mundo.

Pelos palcos do Rio das Ostras Jazz & Blues passaram grandes músicos. Entre eles, John Mayall & Bluesbreakers, Stanley Jordan, Mike Stern, John Scofield, Magic Slim, Jane Monheit, Richard Bonna, James Carter, T.S.Monk, Charles Musselwhite, Wallace Ronney, Ravi Coltrane, Robben Ford, Soulive, Roy Rogers, Steffon Harris, Spyro Gyra, Yellowjackets, Medeski, Martin&Wood, Bill Evans, Nicholas Payton, José James, Roberto Fonseca, Tommy Castro, Ron Carter, Regina Carter, Russel Malone, Nenna Freelon, Kenny Garett, T.M.Stevens, John Hammond, Coco Montoya  e Bad Plus, Raul de Sousa, Yamandú Costa, Hamilton de Holanda, Egberto Gismonti, Wagner Tiso, Luciana Souza, Celso Blues Boy, Blues Etílicos, Dom Salvador e Naná Vasconcelos.

Mais do que um festival, o Rio das Ostras Jazz & Blues Festival é um lugar de encontros. Encontros de grandes músicos, de grandes histórias e de grandes plateias.

O Rio das Ostras Jazz & Blues é realizado pela Prefeitura de Rio das Ostras, através da Secretaria de Turismo, Indústria e Comércio, com produção da Azul Produções.

PALCOS
Cidade do Jazz e do Blues  [Praia de Costazul – shows a partir das 20 horas]
A infraestrutura de Costazul conta, além do palco principal, com uma praça de alimentação com 25 restaurantes e bares, 12 pontos de venda (quiosques) de produtos artesanais da cidade, de CDs, revistas e camisetas e telão que transmite os shows ao vivo. Ainda em Costazul, há a Casa do Jazz e do Blues. No espaço, exposição de fotos e biografias dos artistas mais importantes dos gêneros, além da exibição de documentários e shows de bandas locais. A cidade do jazz e do blues fica no antigo camping de Rio das Ostras.

Praia da Tartaruga [show às 17h15min]
A Praia da Tartaruga abriga o palco mais charmoso do festival em uma pequena enseada, situada entre as praias do Abricó e Praia do Bosque. Na Tartaruga o público assiste aos shows sob o pôr-do-sol. O palco é montado sobre uma pedra que, literalmente, invade o mar.

Lagoa de Iriry  [show às 14h15min]
No palco da Lagoa de Iriry, o público está lado a lado com o artista em um anfiteatro circundado por vegetação típica de restinga. A Lagoa de Iriry fica no Jardim Bela Vista, em Costazul.

Concha Acústica da Praça de São Pedro [show às 11h15min]
Palco criado para a apresentação de novos talentos do jazz e do blues. Fica no centro de Rio das Ostras, ao ar livre e em frente ao mar.

Nenhum comentário: