Editores e Colaboradores : Mauro Nahoum (Mau Nah), José Sá Filho (Sazz), Arlindo Coutinho (Goltinho); David Benechis (Bené-X), José Domingos Raffaelli (Mestre Raf) in memoriam, Luciana Pegorer (PegLu), Luiz Carlos Antunes (Llulla) in memoriam, Ivan Monteiro (I-Vans), Mario Jorge Jacques (MaJor), Gustavo Cunha (Guzz), José Flavio Garcia (JoFla), Alberto Kessel (BKessel), , Gilberto Brasil (BraGil), Reinaldo Figueiredo (Raynaldo), Claudia Fialho (LaClaudia), Marcelo Carvalho (Marcelón), Marcelo Siqueira (Marcelink), Pedro Wahmann (PWham), Nelson Reis (Nels), Pedro Cardoso (o Apóstolo) e Carlos Augusto Tibau (Tibau).

BLOG CRIADO em 10 de maio de 2002

O ALMOÇÃO

30 abril 2011

Finalmente foi realizado o tradicional almoço cejubiano, após longo e tenebroso inverno.(Depois de tanto tempo o almoço virou alvelho). Já não podemos contar com o nosso cantinho especial,(o mezanino) agora mudado pela administraçao do restaurante.
Enfim, ficamos em mesa redonda, mais próximos um dos outros e o assunto Jazz rolou solto e por incrível que pareça, sem discussões. (O Bene-x não foi).

Foi entronizado o amigo Nelson Reis, enquanto Sazz apreceu para dizer que não vinha. Nelson fez questão de me presentear com um livro que encontroiu em um sebo. Trata-se do "Knaurs Jazz Lexikon" (alemão) que tem como curiosidade a dedicatória na primeira página nos seguintes termos: "Para o amigo Paulo Brandão, com o abraço do Sylvio Tullio Cardoso. New York, 1957".

Agora, se o Brandão fala alemão ficamos sem saber.

llulla

3 comentários:

Beto Kessel disse...

Legal o reencontro do CJUB. Pena que nao pude ficar mais tempo. Muito bom reve-los

Beto

pedrocardoso@grupolet.com disse...

Parabéns para todos, já que cada almoço significa a renovação da proposta "cjubiana".
Parabéns pela entronização do NELSON, jazzista e jazzófilo de longa data: belo reforço para a "crew".

Nelson disse...

Bom rever antigos companheiros de velhas jornadas jazzisticas, e novos outros, que conosco comungam aqui em prol da continuidade de um bom ambiente vivificante da "nobre arte do jazz".
Aos ausentes no evento, minhas saudações cjubianas e, aos que puderam comparecer, o nosso

MUITO OBRIGADO
Nelson Reis