Editores e Colaboradores : Mauro Nahoum (Mau Nah), José Sá Filho (Sazz), Arlindo Coutinho (Goltinho); David Benechis (Bené-X), José Domingos Raffaelli (Mestre Raf) in memoriam, Luciana Pegorer (PegLu), Luiz Carlos Antunes (Llulla) in memoriam, Ivan Monteiro (I-Vans), Mario Jorge Jacques (MaJor), Gustavo Cunha (Guzz), José Flavio Garcia (JoFla), Alberto Kessel (BKessel), , Gilberto Brasil (BraGil), Reinaldo Figueiredo (Raynaldo), Claudia Fialho (LaClaudia), Marcelo Carvalho (Marcelón), Marcelo Siqueira (Marcelink), Pedro Wahmann (PWham), Nelson Reis (Nels), Pedro Cardoso (o Apóstolo) e Carlos Augusto Tibau (Tibau).

BLOG CRIADO em 10 de maio de 2002

CJUB DREAM NIGHT - ECOS DE UMA NOITE MEMORAVELoravel

19 junho 2010

Uma caminhada pelo vasto mundo da internet nos permite resgatar momentos magicos e aquela noite no Mistura Fina foi um destes momentos:

Apenas uma homenagem aos brilhantes musicos:

Dario Galante ao piano
Paulo Russo ao baixo
Rafael Barata na bateria
Jesse Sadock ao trumpete
Daniel Garcia ao sax tenor e
Idriss Boudrioua no sax alto

Nada mais a dizer...

Apenas ouvir !!!

Beto Kessel

7 comentários:

Beto Kessel disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Beto Kessel disse...

por um lapso, nao tinha saido o link

http://video.google.com/videoplay?docid=4362170081130068323#

Beto

Andre Tandeta disse...

Com esses caras ai até eu toco bem.
Valeu ,Beto!

Beto Kessel disse...

Tandeta,

Fiquei em duvida se nesta noite tivemos ou nao o Vittor Santos no Trombone. seria o hepteto.

Com a palavra, os cjubianos que tambem la estiveram..

Beto

Bene-X disse...

Vittor Santos, claro. Uma noite inesquecível.

Abs.,

APÓSTOLO disse...

Prezado BETO:

Um time "top" para uma apresentação simplesmente magnífica.
IDRISS é um fora-de-série e os adjetivos são supérfluos.
SADOC é um primor de técnica (digitação, respiração) e de "feeling" = um senhor trumpetista, do qual tenho gravada sua apresentação no SESC Instrumental - Paulista, ao lado do grande J.T.MEIRELES, devidamente apoiados por esse "monstro" na bateria, RAFAEL BARATA.
Uma descoberta que mostra a Internet como fonte do bem.
Grato ! ! !

figbatera disse...

Eu tb estava lá nessa inesquecível noitada musical!