Editores e Colaboradores : Mauro Nahoum (Mau Nah), José Sá Filho (Sazz), Arlindo Coutinho (Goltinho); David Benechis (Bené-X), José Domingos Raffaelli (Mestre Raf) in memoriam, Luciana Pegorer (PegLu), Luiz Carlos Antunes (Llulla) in memoriam, Ivan Monteiro (I-Vans), Mario Jorge Jacques (MaJor), Gustavo Cunha (Guzz), José Flavio Garcia (JoFla), Alberto Kessel (BKessel), , Gilberto Brasil (BraGil), Reinaldo Figueiredo (Raynaldo), Claudia Fialho (LaClaudia), Marcelo Carvalho (Marcelón), Marcelo Siqueira (Marcelink), Pedro Wahmann (PWham), Nelson Reis (Nels), Pedro Cardoso (o Apóstolo) e Carlos Augusto Tibau (Tibau).

BLOG CRIADO em 10 de maio de 2002

DUELA A QUIEN DUELA

03 outubro 2009

A guitarra sempre é um instrumento fascinante, ainda mais quando o artista em destaque é novidade.
Desta vez a surpresa foi o espanhol Santiago De La Muela, guitarrista residente em Madri onde também lidera por lá uma big band de destaque.
No trabalho em foco aqui - Horas Privadas - me chama a atenção a formação em sexteto com a ausência do piano, a guitarra em trio com contrabaixo e bateria mais um naipe de metais.
Não me recordo deste tipo de formação quando liderado por um guitarrista, recentemente John Scofield o fez em seu trabalho This Meet That cujo show assisti quando ele esteve aqui no festival de Rio das Ostras ano passado, mas com uma sonoridade bastante diferente.

A formação do grupo neste disco, lançado em 2002 pelo selo Satchmo Jazz Records, todos desconhecidos pra mim, é Santiago De La Muela guitarra, Richie Ferrer contrabaixo, Carlos "Sir Charles" Gonzalez bateria, Iaki Askunze tenor, Mikel Andueza alto e Antonio Ximenez trompete.

Na radiola, os temas Blues Para Cifu e Amsterdam.

O tema Blues Para Cifu é provavelmente uma homenagem ao jornalista espanhol Juan Claudio Cifuentes, 'Cifu', que apresenta o programa A Todo Jazz na Radio 3 da Radio Nacional de España.
E vale uma visita ao podcast do programa com as apresentações -
http://www.rtve.es/podcast/SATODO.xml

Som na caixa !

8 comentários:

Andre Tandeta disse...

Guzz,
grande som! Bacana mesmo,excelentes musicos,composições e arranjos.
Parabens pela descolada.
Abraço

Érico Cordeiro disse...

Vivendo e aprendendo.
Muito boa a pegada do Santiago De La Muela - tem uma abordagem moderna, mas não despreza a tradição.
Valeu, Mr. Guzz!
Mais um prá listinha!!!!

Nelson disse...

"Boa pedida"confrade Guzz.
Os "caras foram à escola" e "fizeram o dever de casa".
Mas... "um pianinho" pegava bem aí nessa "ensemble"
Parabéns.
Nelson Reis

APÓSTOLO disse...

Os comentários anteriores dizem tudo e acompanho o confrade NELSON REIS = um piano somaria ainda mais ao grupo.
Bela postagem !

figbatera disse...

Eu tb me surpreendi com a qualidade do som.
Gosto muito de piano mas, no caso, não senti falta dele.

Mau Nah disse...

Guzz,
muito bom, bela pescaria, jamais conheceria esse cara, se não fosse pela postagem. Super!
Abs.

Beto Kessel disse...

Que delicia de som...nada mais a dizer, ja disseram tudo

Beto Kessel

Salsa disse...

Grande indicação, Gustavo. Sempre antenado.