Editores e Colaboradores : Mauro Nahoum (Mau Nah), José Sá Filho (Sazz), Arlindo Coutinho (Goltinho); David Benechis (Bené-X), José Domingos Raffaelli (Mestre Raf) in memoriam, Luciana Pegorer (PegLu), Luiz Carlos Antunes (Llulla) in memoriam, Ivan Monteiro (I-Vans), Mario Jorge Jacques (MaJor), Gustavo Cunha (Guzz), José Flavio Garcia (JoFla), Alberto Kessel (BKessel), , Gilberto Brasil (BraGil), Reinaldo Figueiredo (Raynaldo), Claudia Fialho (LaClaudia), Marcelo Carvalho (Marcelón), Marcelo Siqueira (Marcelink), Pedro Wahmann (PWham), Nelson Reis (Nels), Pedro Cardoso (o Apóstolo) e Carlos Augusto Tibau (Tibau).

BLOG CRIADO em 10 de maio de 2002

JASPER VAN´T HOFF

13 julho 2008

O pianista Jasper Vant Hoff nasceu em Enschede, Holanda, em 30 de junho de 47. Filho de pai trompetista de jazz e mãe pianista e cantora, seu grande interesse pela música surgiu cedo com as aulas de piano e aos 14 anos já escrevia suas primeiras composições e mostrava grande interesse pelo jazz. Apesar da vontade dos pais em levá-lo para um conservatório, sua adoração era pelos palcos e jams e aos 19 já participava de festivais de jazz.
Seu primeiro grupo chamou-se Association PC, em 1969, em formato de piano, baixo, guitarra e bateria e a música já representava uma fusão de jazz e rock cuja qualidade aclamou o grupo como a sensação do Berlin Jazztage em 1971.
Cercando-se de músicos interessados em explorar novas sonoridades e criar um instrumental mais eletrônico, juntou-se nesse tempo a nomes como Charlie Mariano e Philip Catherine para lançar o álbum Pork Pie, em menção a um tema de Lester Young, cujo album teve um revival em 1992 com a participação de Don Alias.
Nessa época juntou-se também a nomes emergentes na música fusion, como Jean Luc Ponty, Alphonse Mouzon e o baixista Peter Trunk, que morreu em acidente de carro em NY em 1974.
Lançou seu primeiro album solo em 1976, The Self Kicker, para ele seu disco favorito. Um período muito intenso musicalmente e esteve ao lado de nomes como Archie Shepp, Manfred Schoof, Wolfgang Dauner, Zbigniew Seifert, Toto Blanke, Stu Martin, Alphonse Mouzon e Bob Malach, e também fazendo apresentações solo. Em 1978, foi considerado pela crítica como “Europe's second-best synthesiser player”.

Deixo duas faixas de um concerto na Alemanha em 1997 - Three Doors e Get Down - ao lado de Ernie Watts sax, Bo Stief contrabaixo e Henk Zomer bateria.


boomp3.com

Nenhum comentário: