Editores e Colaboradores : Mauro Nahoum (Mau Nah), José Sá Filho (Sazz), Arlindo Coutinho (Goltinho); David Benechis (Bené-X), José Domingos Raffaelli (Mestre Raf) in memoriam, Luciana Pegorer (PegLu), Luiz Carlos Antunes (Llulla) in memoriam, Ivan Monteiro (I-Vans), Mario Jorge Jacques (MaJor), Gustavo Cunha (Guzz), José Flavio Garcia (JoFla), Alberto Kessel (BKessel), , Gilberto Brasil (BraGil), Reinaldo Figueiredo (Raynaldo), Claudia Fialho (LaClaudia), Marcelo Carvalho (Marcelón), Marcelo Siqueira (Marcelink), Pedro Wahmann (PWham), Nelson Reis (Nels), Pedro Cardoso (o Apóstolo) e Carlos Augusto Tibau (Tibau).

BLOG CRIADO em 10 de maio de 2002

17 outubro 2013

O QUE ESTAMOS OUVINDO II

Comprou um CD (ou DVD) novo? Resgatou uma velha gravação na sua discoteca? Ouviu alguma coisa interessante? Diz aí pra gente!

46 comentários:

Beto Kessel disse...

Ganhei o VIP VOP, onde Leo Gandelman acertou em cheio com o resgate do sambajazz com David Feldman (piano), Alberto Continentino (baixo acustico), Rafael barata (com renato massa em algumas faixas na bateria), Serginho Trombone...Outro album que estou revisitando e uma obra prima da biscoito fino produzida pelo ourives Mario Adnet, num tributo justissimo a Luiz Eça, com muitos feras...Sonoridade impecavel, solos idem.

Beto Kessel

Anônimo disse...

Estou revisitando com atenção redobrada a obra do nosso patrono Dick Farney e a cada disco mais me encanto com a fluência dele ao piano e suas interpretações "naturais", principalmente nos "standards", onde parece um nativo americano que sempre respirou jazz. E como consegue dosar precisamente essa influência para dar o molho perfeito nas regravações dos temas brasileiros. Um grande e renovado prazer. Em destaque, o raro "Dick Farney e seu Jazz Moderno", de 1960, gravado com 3 trios distintos e um quarteto, aparecendo aqui o jovem Paulo Moura brilhando em algumas faixas; e nas do chamado "trio 2", Bill Horne tocando um curioso "melofone", tipo de "flugelhorn" descendente direto do "french horn" das orquestras classicas. E com direito à guitarra de Ismael Campillo e a até Ed Lincoln tocando contrabaixo no inusitado trio com Farney e Horne.
A obra toda é deliciosa, e certamente para os leitores novatos, vez que os veteranos todos já a conhecem até tocando ao contrário. Abs.
MauNah

Anônimo disse...

Prezados Beto e MauNah:

No momento ouço um maravilhoso "Pepper Adams em Quinteto" que me foi doado a domicílio por Mestre Lula.
Pepper acopanhado por um time de primeira: Stu Williamson, Carl Perkins, Leroy Vinnegar e Mel Lewis.
Venho reouvindo o "caixote" francês "Piano Jazz L'Histoire" do selo "Le Chant du Monde", com 10 CD's e abrangendo o período 1906/1952. São faixas de 42 pianistas, todos em plena forma. O livreto anexo é completo com todas as informações necessárias para fixar os períodos das "88 teclas". Recomendo sem restrições.

APÓSTOLO

Beto Kessel disse...

Estou revisitando o album Still Alive com o trio liderado pelo cerebral, genial,e talentosissimo Keith Jarrett, ja me preparando para o Solo improvisations da proxima quarta no Municipal.

Se conseguir, ainda engato o KOLN CONCERT.

Beto

llulla disse...

Estou reouvindo os CD's da japonesinha SAORI YANO. Para quem gosta de Parker, está tudo alí.
abcs.
llulla

Beto Kessel disse...

Acabei de voltar do concerto de Keith Jarrett.

Indescritivel ver e ouvir ao vivo KEITH JARRETT !!! Com o show de uma hora atras, completei a serie de pianistas lendarios que tive a oportunidade de ver ao vivo

Oscar Peterson , Herbie Hancock , Chick Corea, Keith Jarrett...somente faltou Bill Evans, que infelizmente foi embora muito jovem...

Uma noite maravilhosa no Teatro Municipal com direito a inumeros bis, entre eles o belissimo Over the rainbow!!!e o que dizer de samba de uma nota so de Tom Jobim na leitura particular de Keith Jarrett...vou dormir num excelente astral!!! tenho a certeza que Sazzinho, David Benechis, marcelon tambem concordam comigo!!!

Beto

Fernando disse...

Lançamentos:
- Bria Skonberg - So Is The Day (cantora, compositora e trompetista). Sonoridade de New Orleans modernizada, com muitos toques populares, boas composições, timbre agradabilíssimo e grande banda.

- John Pizzarelli - Double Exposure. O melhor da atualidade em recriar o som mais tradicional do jazz, mesmo com temas do rock/pop mais recente (mais recente em comparação ao American Songbook).

- Harry Allen Quartet featuring Bill Charlap - Blues For Pres And Teddy. O que aconteceria se Lester Young se encontrasse com Teddy Wilson no século XXI?

Sobre gravações antigas, tenho reouvido bastante o Eddie Harris Sings the Blues e o Jimmy Smith - Organ Grinder Swing, com Kenny Burrel & Grady Tate.

Andre Tandeta disse...

Vanguard Jazz Orchestra -Thad Jones Legacy .
!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! !!!

Beto Kessel disse...

Tenho ouvido muito um dos primeiros albuns do Idriss Boudrioua, chamado ESPERANÇA, com Idriss no sax alto, Edmundo Cassis (piano), Dean Keenhold (baixo), Bob Hyatt (bateria), Alexandre Carvalho (guitarra), com particpação especial de Claudio Roditi...Uma maravilha de som!!!

Beto

Lula M disse...

Estou ouvindo o CD Camaleão I, do saxofonista Ademir Junior, com a participação de Bob Mintzer, Jessé Sadoc, Lula Galvão, Vitor Gonçalves, Jefferson Lescowich, Rafael Barata, Idriss Boudrioua & Alexandre Carvalho.

Encontrei o álbum no Oi Rdio.

Bela pedida para o domingão.

Abraços jazzísticos.

Lula M

José Domingos Raffaelli disse...

Grande Beto Kessel,

Falando em ESPERANÇA, do Idriss Boudrioua, por grande coincidência esta semana recebi o novo CD do saxofonista americano Paul Lieberman, que durante anos morou no Rio e também gravou com Idriss Boudrioua em ESPERANÇA.
Nesse CD Paul contou com os brasileiros Duduka da Fonseca e Nilson Matta.
Keep swinging,
RAF

Beto Kessel disse...

Prezado Raffaelli,

Com certeza o CD do Paul Lieberman com Nilson e Duduka deve ser muito bom. Turma de bom gosto e que toca uma enormidade!!!

Abraços,

Beto

Anônimo disse...

Senhores deste blog,

Há algum tempo descobri este interessante blog, porém somente hoje atrevo-me a comentar alguma coisa, esperando que não me levem a mal. Desde garoto desenvolvi meu gosto musical pela música popular americana mais antiga (nada de pop ou rock, mas daquele tempo em que Sinatra, Bing Crosby,Perry Como, Bob Eberle e outros grandes cantores comandavam a parada de sucessos com suas magníficas interpretações). Sei que as coisas mudaram muito em todo o mundo e atualmente ninguém se interessa pelos músicos e cantores daquele tempo.

Entretanto, para não tomar demasiadamente seu precioso tempo,
escrevo esta mensagem para duas observações sobre plágios de música americana feitos por autores brasileiros, que chamaram minha atenção há vários anos. Permitam-me esta intromissão porque não pretendo desencadear protestos a respeito dos plagiadores nacionais, mas tão somente revelar essas descobertas feitas ao longo dos meus anos de audiófilo.

1. A canção "MAYBE YOU'LL BE THERE", de Ruby Bloom e Sammy Gallop, gravada por Freddy Cole, foi plagiada por Tom Jobim em "TRISTE". Jobim foi processado e condenado, porém como nunca compareceu à corte americana, ficou por isso mesmo.

2. Outra: a canção "UNTIL IT'S TIME FOR YOU TO GO", de Buffy-Saint Marie, foi plagiada por Johnny Alf em "O QUE É AMAR".

Perdoem esta intromissão que não se enquadra no esquema de vocês, mas não resisti à idéia de registrar estas observações sobre aqueles plágios.
Obrigado


Edison Junior disse...

De novo, novo mesmo, só tenho ouvido o último CD da Diana Krall, excelente por sinal. Estou organizando as músicas no meu computador há algumas semanas, eliminando músicas que salvei mas nunca mais iria ouvir, portanto tenho ouvido muita coisa velha. Ou, como diz uma amiga minha, "I listen to dead people..."

Palmeira disse...

Há alguns anos participo de um forum sobre jazz no site www.52ndstreet.com cuja principal atividade é a troca periódica de "blindfold tests". Durante algum tempo, José Domingos Raffaelli participava, com sua incrível capacidade de reconhecer de pronto coisas como "esse é Dodo Marmarosa no piano" (como sideman!). O objetivo não se restringe a um "jogo de adivinhações" mas em proporcionar uma troca de experiências auditivas que acaba, na medida de que sejam abertos os ouvidos e as mentes, expandindo nossos horizontes. Há uma rotação, e de tempos em tempos cabe-me fazer a compilação. Para fazê-la, não fico a garimpar ótimas obscuridades. Antes, uso material que fez parte daquilo que estive ouvindo recentemente. Por isso, pensei em passar aqui o link para download de minha compilação. Fiquei um pouco em dúvida, dadas as questões legais envolvendo download de música, decidi fazê-lo porque não há download de nenhum CD ou DVD, apenas de faixas que não se encontram agrupadas em nenhum outro lugar e não são nomeadas. Enfim, caso alguém se interesse em ouvir um pouco "o que estive ouvindo", segue o link: http://www.divshare.com/download/21401208-355 São 13 faixas e 79 minutos.

Abraços e Boas Festas a todos
Luis Antonio Palmeira

Lula M disse...

O mundo não acabou e se depender de dois novos artistas, o jazz vai continuar vivo por muitos e muitos anos:

. Beka Gochiashvili

. Cécile McLorin Salvant

Beka é um pianista nascido na capital da Geórgia, Tbilisi. Aos 16 anos, ele lançou, este ano, o seu primeiro álbum, cujo título leva o seu nome. Ao lado de Lenny White e Stanley Clarke, entre outros, Beka esbanja talento e maturidade. Um músico de mãos cheias. Procurem, no YouTube, pelo vídeo dele tocando ao lado de Chick Corea, McBride e Brian Blade. Existem outros vídeos disponíveis na internet, mas nem sempre os músicos que o acompanham estão à altura do talento do guri.

Cécile... Uma cantora, no auge dos seus 23 anos, com um timbre e um domínio vocal de cair o queixo. Miss Salvant, em alguns momentos, lembra Billie. Em outro, nos lembra como é bom ver gente nova e talentosa abraçando o jazz. Seu primeiro e único disco, lançado em 2010 é delicioso. No início de 2013, Cécile lançará seu segundo trabalho. Existem alguns vídeos no YT que valem a pena ser visto, como ela cantando 'Oh, my love', ao lado do Trio do pianista Jacky Terrason, ou a sua interpretação de "I was born to be blue"

Duas gemas que o bom velhinho nos trás de presente.

Feliz Natal, com muito jazz para todos!

Beto Kessel disse...

Llulla, cvaleu pela dica do garoto da Georgia, que toca um SPAIN de adulto com o mentor Chick Corea

http://www.youtube.com/watch?v=VlnwHDc8Rgk

Um forte abraco a todos do CJUB.

Beto

Lula M disse...

Pois é, Beto Kessel, o garoto é bom demais. Que bom que você gostou.

E não deixe de ver a Cécile, ela transborda talento e graciosidade.

http://www.youtube.com/watch?v=vvicc-GbPKk

http://www.youtube.com/watch?v=kBySXtFvbGY

figbatera disse...

Realmente, o Beka é simplesmente genial! Que bom que sempre aparecem novos talentos que se dedicam à música dos músicos.
Porisso, podemos ter certeza: o jazz nunca morrerá!

llulla disse...

Estou ouvindo no momento o CD de Russ Freeman gravado em 1959 em Vancouver e só lançado em 2005 pela gravadora canadense. Dá gosto ouvir como tocava esse cara. Deixou saudades.
llulla

Anônimo disse...

ogyoq [url=http://drdrebeatsuksales.co.uk]beats by dre[/url] piqjp http://drdrebeatsuksales.co.uk grjcf [url=http://beatsbydreukforsales.co.uk]beats by dre[/url] xanic http://beatsbydreukforsales.co.uk hiwir [url=http://cheapdrebeatsuksale.co.uk]cheap beats by dre[/url] zudqs http://cheapdrebeatsuksale.co.uk dkxru [url=http://cheapestbeatsheadphones.co.uk]cheap beats by dre[/url] twsjy http://cheapestbeatsheadphones.co.uk ettuz [url=http://cheapestdrebeats.co.uk]cheap beats by dre[/url] yxxux http://cheapestdrebeats.co.uk ouzlj [url=http://cheapdrebeatssale.co.uk]beats by dre[/url] gjmkl http://cheapdrebeatssale.co.uk pmxd

Lula M disse...

A dica da sexta-feira é Sachal Vasandani, cantor de Chicago, com excelente domínio da arte vocal.

Sachal é detentor de um timbre delicioso, e cercado por ótimos musicos faz belos trabalhos, como o seu último álbum Hi-Fly.

Abraços e bom final de semana,

Lula M

Anônimo disse...

cfljh [url=http://beatbydreonlinesales.co.uk]beats outlet[/url] lklwx http://beatbydreonlinesales.co.uk bqiud [url=http://beatsbydrebestsales.co.uk]dr dre beats[/url] zyxjt http://beatsbydrebestsales.co.uk xjkny [url=http://beatsbydrecheapsales.co.uk]dr dre beats[/url] yvzej http://beatsbydrecheapsales.co.uk pycuq [url=http://drebeatsheadphonesforsale.com]beats by dre[/url] nibcc http://drebeatsheadphonesforsale.com rftbr [url=http://cheapbeatsbydreoutletforsales.com]beats by dre[/url] uxhuv http://cheapbeatsbydreoutletforsales.com xcyph [url=http://monsterbeatsdreheadphoneoutlet.com]cheap beats by dre[/url] wmmsr http://monsterbeatsdreheadphoneoutlet.com bnbk

Anônimo disse...

top [url=http://www.001casino.com/]online casinos[/url] check the latest [url=http://www.casinolasvegass.com/]casino[/url] manumitted no deposit reward at the chief [url=http://www.baywatchcasino.com/]www.baywatchcasino.com
[/url].

Beto Kessel disse...

Rosa Passos - Album Amorosa - simplesmente espetacular..

Rosa tem uma voz doce, agradavel e especial, o repertorio de primeirissima, e com Helio Alves, Yo Yo Ma, Paulo Braga, Paquito de Rivera e outros,torna o album maravilhoso.

Beto

LLULLA disse...

Aproveitei um bom tempo ouvindo as queridas "lady crooners" das big-bands As minhas preferidas são Jo SAtafford com a banda de Tommy Dorsey e a especial Helen Forrest, cantando comm Benny Goodman, Artie Shaw e Harry James.
llulla

RENAJAZZ disse...

http://freakshare.com/files/4ablo424/Horace-Silver---Jazz...-has...-a-Sense-of-humor.rar.html TA AI O LINK DE UM GRANDE DISCO DO HORACE SILVER DE 2000

1 Satisfaction Guaranteed 5:47
The Mama Suite
2 Part I: Not Enough Mama 5:36
3 Part II: Too Much Mama 4:52
4 Part III: Just Right Mama 4:07
5 Philley Millie 4:45
6 Ah-Ma-Tell 6:00
7 I Love Annie's Fanny 4:48
8 Gloria 7:34
9 Where Do I Go From Here? 4:01



Bass – John Webber (2)
Drums – Willie Jones III
Piano, Producer – Horace Silver
Tenor Saxophone, Soprano Saxophone – Jimmy Greene
Trumpet – Ryan Kisor


E UM OTIMO DISCO

JoFlavio disse...

Meus caros.
Estou curtindo e muito o último CD (Universal, 2013)do pianista Kenny barron (69, Philadelphia): Kenny Barron & The Brazilian Knights. Participações de Idriss Boudrioua, Claudio Roditi, Rafael Barata, Lula Galvão, Mauricio Einhorn,Sergio Barrozo & Alberto Chimelli.

RENAJAZZ disse...

ACABO DE OUVIR E ME EMOCIONAR.. MARAVILHOSO DISCO DO EDDIE DAVIS GOIN TO THE MEETING COISA QUE MUITOS SAXOFONISTAS QUE SE DIZEM MODERNOS DEVERIAM OUVIR MUITO....

Beto Kessel disse...

Estou revisitando o album ALEGRIA DE VIVER (nome do tema de Luiz Eça) do SAMBAJAZZTRIO dos otimos Kiko Continentino (piano), Luiz Alves (Baixo) e Clauton Salles (bateria e trompete). Muito Bom!!!

Beto Kessel

RENAJAZZ disse...

Kenny Barron & The Brazilian Knights (2013)



Mp3, 320 kbps.





Kenny Barron - piano
Claudio Roditi - trumpet
Idriss Boudrioua - alto sax
Lula Galvão - guitar
Mauricio Einhorn - harmonica
Sergio Barrozo - double bass
Rafael Barata - drums
Alberto Chimelli - keyboards

Disc 1

01. Rapaz De Bem 6:03
02. Ja Era 4:47
03. Ilusao A Toa 7:11
04. So Por Amor 11:13
05. Curta Metragem 5:06
06. Nos 6:57
07. Triste 5:33
08. Sonia Braga 7:15
09. Tristeza De Nos Dois 7:58
10. Chorinho Carioca 4:14
11. Sao Conrado 7:07

Disc 2

01. Phanthoms 8:47
02. E So Amar 7:50
03. E So Amar (Alternate Take) 7:50
04. Nos (Alternate Take) 6:57
05. Ilusao A Toa (Alternate Take) 7:10
06. Sao Conrado (Alternate Take) 7:07



Kenny Barron & The Brazilian Knights (2013).part1.rar

Kenny Barron & The Brazilian Knights (2013).part2.rar

otimo por tudo pela musica e pelos musicos maravilhoso beixem logo antes que site saia do ar

Anônimo disse...

Num desses papos via Soulseek, quando sempre pergunto aos amigos de todo o mundo o que estão gostando de ouvir naquele momento, tive a recomendação de escutar o som da guitarra mediterrânea de BIEL BALLESTER.

Estou ouvindo e gostando bastante dos seus CDs Bistro de Barcelona, onde atua em trio.

Tem uma guitarra solar que nos remete ao gipsy-jazz do mestre Django e seus discípulos Bireli Lagrène e Sylvain Luc.

Muito interessante. Abs.
MauNah

RENAJAZZ disse...

acabei de ouvire me emocionar com os temas e com as boa perfome-se do musicos o disco é PARIS-RIO do nosso grande IDRISS BOUDRIUA MUITO BOM MESMO QUEM NÃO OUVIU ESTA PERDENDO

Anônimo disse...

Começo a deliciar-me com o CD "LAURA", "aquela" qualidade de MÚSICA com o quinteto de IDRISS BOUDRIOUA, em que o músico é também autor de 07 dos 09 temas(os outros 02 são "LAURA" e "LES FUILLES MORTES").
Belo projeto gráfico, com a capa lembrando a linda GENE TIERNEY, estrela do filme "LAURA".
Com emoção recebí o CD enviado pelo próprio IDRISS, uma dessas pessoas que ultrapassam os limites da fidalguia, da simpatia e da musicalidade, para figurar na galeria dos grandes.

APOSTOLOJAZZ

Anônimo disse...

http://site.ru - [url=http://site.ru]site1[/url] site
site2

RENAJAZZ disse...

MONDAY, 13 AUGUST 2012
Joel Frahm - We Used To Dance -2007


Working with pianist Kenny Barron, bassist Rufus Reid and drummer Victor Lewis on a straight-ahead jazz session would be a real treat for anyone. It turns out to be especially fruitful for tenor saxophonist Joel Frahm, who delivers this program of standards and originals with an artist's delicate touch. The proud owner of a rich, luxurious tone, the saxophonist interprets ballads, blues and up-tempo romps with clarity while swinging in a rhythmic groove when the situation permits. He and this stellar trio are equally at ease with tender ballads such as "Spring Can Really Hang You Up the Most," "My Ideal" and Barron's "Song for Abdullah" as they are with quick burners such as Frahm's exotic "Jobimiola" and his adventurous "A Whole New You."

Track listing:

01. Bob's Blues [06:08]
02. Nad Noord [06:43]
03. Joanne Julia [08:57]
04. A Whole New You [04:24]
05. Spring Can Really Hang You Up [07:54]
06. Jobimiola [04:29]
07. My Ideal [05:59]
08. Song For Abdullah [06:23]
09. The Dreamer [04:23]
10. We Used To Dance [05:38]


Personnel:

Joel Frahm - tenor sax
Kenny Barron - piano
Rufus Reid - bass
Victor Lewis - drums

We Used To Dance clike aqui no título para baixar para baixar

nas minha garimpagem pelos blog da vida achei este quarteto liderado pelo saxofonista joe frahm que eu nunca tinha ouvido falar e qual não foi a minha supresa é um otimo disco deixei ate o link para quem quiser baixar vale conferir o cara toca muito e esta em super bem acompanhado

RENAJAZZ disse...

http://www.packupload.com/Y8R4OCI4TZ0

Joel Frahm - We Used To Dance -2007
esse eo link

SAZZ disse...

Vão aí 2 super dicas recém lançadas nos E.U.A., a primeira Antonio Adolfo "Finas Misturas" ( AAM Music ), no seu trabalho mais jazzístico até então e com um time de respeito como, Leo Amoedo (g), Claudio Spiewak (g), Marcelo Martins (ts & flt), Jorge Helder (b) e Rafael Barata (ds). São 10temas alguns standards como "Giant Steps", "Naima" (Coltrane), "Con Alma" (Gillespie) entre outros.
A segunda é um tributo da nossa "Eliane Elias" ao Chet Baker chamado "I Thought About You" (Universal), que apesar de todo cantado (prefiro ela tocando) vale a pena, pois o instrumental é impecável com Marc Johnson (b) e Rafael Barata (ds) êle aí de novo e principalmente...

Anônimo disse...

Prezado SAZZ:
Mais não fora, Rafael garante tudo.
Vamos conferir.

APOSTOLOJAZZ

SAZZ disse...

Mais 2 de musicos instrumentistas brasileiros sim senhor, um do tenor e flautista Marcelo Martins recém lançado "Do Outro Lado" de muito bom gosto, bem produzido e todo autoral (10 temas) super bem acompanhado pelo que há de melhor na nossa cidade a saber; Aldivas Ayres (tb), Armando Marçal(pec), André Rodrigues (b),Arthur Maia (b), Carlos Bala (ds), Chacal (pec), Cristovão Bastos (p), Glauton Campello (p), Jessé Sadoc (tp), João Castilho (g), Jorge Helder (b), Jurim Moreira (ds), Leo Amoedo (g), Leo Gandelman (bs),Luiz Avellar (p), Marcio Bahia (ds), Marcos Nimrichter (p), Renato Massa (ds), Ricardo Silveira (g), Vittor Santos (tb)e Zeca Assumpção (b) além de cordas em 2 faixas.
O outro uma produção japonesa do pianista Hélio Celso "Tetê" muito bonito e cercado de musicos nipônicos; Ryoichi Yokoyama (b), Taro Koyama (ds) e Akira Shimoto (g), com participação especial da Lisa Ono.

Beto Kessel disse...

Rafael barata esta em todas assisti pela internet tocando num tributo ao toots thielemans e soube que ele tambem participa do novo album da excelente rosa passos que sai agora em junho . Beto

Beto Kessel disse...

Rafael barata esta em todas assisti pela internet tocando num tributo ao toots thielemans e soube que ele tambem participa do novo album da excelente rosa passos que sai agora em junho . Beto

BraGil disse...

Retomando as dicas :
Finas Misturas de Antonio Adolfo - Ótima recomendação do Sazz ! um dos melhores cds que ouví este ano ! @@@@@.
Edward Simon Trio Live at Jazz Standard - outro @@@@@. Com John Patitucci e Brian Blade. Apenas 5 faixas com destaque para Chovendo na Roseira e Giant Steps.
BraGil

Anônimo disse...

Desfrutei por mais de 02 horas dos ótimos arranjos de PETE RUGOLO editados no CD duplo da "Fresh Sound" PETE RUGOLO AND HIS ORCHESTRA ADVENTURES IN JAZZ, contando com um time de primeira da "West Coast" - Shorty Rogers, Pete Candoli, Maynard Ferguson, Bud Shank, Bob Coopeer, Jimmy Giuffre, Howard Roberts e outras "feras", ao longo de 42 faixas.
Uma delícia ! ! !

APOSTOLOJAZZ

Beto Kessel disse...

O novo CD de Rosa Passos (SAMBA DOBRADO) e otimo...Imperdivel..Rosa tem um verdadeiro dream team com ela, entre outros, Helio Alves, Rafael Barata, Jorge Helder, Lula Galvao, Vinicius Dorin etc...

Beto

Presidente disse...

Warren Wolf!

Wolfgang é o último petardo do cara. Vale cada faixa.

Jaxx