Editores e Colaboradores : Mauro Nahoum (Mau Nah), José Sá Filho (Sazz), Arlindo Coutinho (Goltinho); David Benechis (Bené-X), José Domingos Raffaelli (Mestre Raf) in memoriam, Luciana Pegorer (PegLu), Luiz Carlos Antunes (Llulla) in memoriam, Ivan Monteiro (I-Vans), Mario Jorge Jacques (MaJor), Gustavo Cunha (Guzz), José Flavio Garcia (JoFla), Alberto Kessel (BKessel), , Gilberto Brasil (BraGil), Reinaldo Figueiredo (Raynaldo), Claudia Fialho (LaClaudia), Marcelo Carvalho (Marcelón), Marcelo Siqueira (Marcelink), Pedro Wahmann (PWham), Nelson Reis (Nels), Pedro Cardoso (o Apóstolo) e Carlos Augusto Tibau (Tibau).

BLOG CRIADO em 10 de maio de 2002

16 março 2011

DOM CHACAL (* 1941 + 13-03-2011)

Um dos percussionistas preferidos pelos músicos, Dom Chacal faleceu em 13 de março aos 69 anos de idade.

Segundo o baterista Wilson das Neves, Chacal era perfeito em suas apresentações.

Compadre de Chacal, Wilson declara que o mesmo não batia, tocava.
RIP

4 comentários:

Andre Tandeta disse...

Primeiro uma correção:Dom,com m. Estava errado no obituario do Globo de ontem. Alias ,gostaria de dizer que existem inumeras fontes bem mais confiaveis de informações sobre musica.
Um queridissimo amigo,companheiro de inumeras jornadas em quase 30 anos tocando junto.
Esta sendo um momento dificil pra mim e pra os seus inumeros amigos.
Enfim temos que nos conformar e agradecer por ter tido o privilegio de conhece-lo e tocar com ele.

Érico Cordeiro disse...

Meu caro Tandeta,
Infelizmente, parece que 2011 não começa muito bem para a música.
Além do Shearing, do Joe Morello e do Dom Chacal, li que o guitarrista Melvin Sparks, que tocou ao lado de feras da soul music e do jazz, como Jack McDuff, Lonnie Smith, Lou Donaldson, Charles Earland, Houston Person, Jimmy McGriff e Etta Jones, entre muitos outros, também faleceu, em decorrência de um ataque cardíaco.
Uma pena - ficamos mais pobres musicalmente (no seu caso, que era amigo pessoal, a perda é ainda mais dolorida).
Receba um abraço fraterno e solidário.

apostolojazz disse...

Mestre LULA e prezado TANDETA:

Temos que nos acostumar, a cada dia, em agradecer pelo fato de termos tido o prazer de ouví-los, vê-los, discutirmos sobre eles, "irradiá-los" (O Assunto é Jazz), escrever sobre eles, enfim, prestigiar e desfrutar da ARTE deles, que fizerem e eternizaram a MÚSICA.

Vera Pientznauer disse...

Tive o imenso prazer de ouvi-lo tocar, tocar e cantar com ele e ser tocada por ele,afinal,
fui sua mulher,com muita admiração , orgulho e prazer.
A saudade é imensa, provando a verdade do amor que vivemos.
Tocar e cantar com ele foi um privilégio e com certeza,Paulo Pereira de Aquino representa o maior lucro que tive no e do Palpite Feliz.
Me aguarde meu amor,vamos continuar nosso amorsom no quarto andar.
Véra(dePaulo)Gama.