Editores e Colaboradores : Mauro Nahoum (Mau Nah), José Sá Filho (Sazz), Arlindo Coutinho (Goltinho); David Benechis (Bené-X), José Domingos Raffaelli (Mestre Raf) in memoriam, Luciana Pegorer (PegLu), Luiz Carlos Antunes (Llulla) in memoriam, Ivan Monteiro (I-Vans), Mario Jorge Jacques (MaJor), Gustavo Cunha (Guzz), José Flavio Garcia (JoFla), Alberto Kessel (BKessel), , Gilberto Brasil (BraGil), Reinaldo Figueiredo (Raynaldo), Claudia Fialho (LaClaudia), Marcelo Carvalho (Marcelón), Marcelo Siqueira (Marcelink), Pedro Wahmann (PWham), Nelson Reis (Nels), Pedro Cardoso (o Apóstolo) e Carlos Augusto Tibau (Tibau).

BLOG CRIADO em 10 de maio de 2002

09 junho 2009

MORREU RAUL DE BARROS


Está de luto o samba de gafieira com o passamento de seu maior divulgador e intérprete , o maestro e trombonista Raul de Barros ocorrido em oito do corrente. O autor do sucesso “Na Glória”, foi vitimado por disfunção renal e enfisema pulmonar e contava 94 anos de idade.
Em 1957, por ocasião da temporada de Louis Armstrong no Rio de Janeiro, assistimos um espetáculo inusitado no camarim de Trummy Young. Chegaram Raul e Monsueto e ao saber que o primeiro tocava trombone, Trummy Young abriu o estojo e entregou seu instrumento a Raul pedindo que ele tocasse . Raul não se fez de rogado, colocou sua boquilha no trombone e acompanhado pela batida de Monsueto numa das portas, executou o “Na Glória”. Ao chegar na citação da Marcha Nupcial, Trummy caiu na gargalhada e os dois se abraçaram numa bela confraternização.

2 comentários:

APÓSTOLO disse...

Mestre LULA:

Mais um grande que perdemos e que, felizmente para nós pobres mortais, deixou-nos algum legado gravado.
Melhora a cada dia a "big band" celestial.

edú disse...

Supermúsico q nos abandona.Descanse em paz.Na glória, certamente.