Editores e Colaboradores : Mauro Nahoum (Mau Nah), José Sá Filho (Sazz), Arlindo Coutinho (Goltinho); David Benechis (Bené-X), José Domingos Raffaelli (Mestre Raf) in memoriam, Luciana Pegorer (PegLu), Luiz Carlos Antunes (Llulla) in memoriam, Ivan Monteiro (I-Vans), Mario Jorge Jacques (MaJor), Gustavo Cunha (Guzz), José Flavio Garcia (JoFla), Alberto Kessel (BKessel), , Gilberto Brasil (BraGil), Reinaldo Figueiredo (Raynaldo), Claudia Fialho (LaClaudia), Marcelo Carvalho (Marcelón), Marcelo Siqueira (Marcelink), Pedro Wahmann (PWham), Nelson Reis (Nels), Pedro Cardoso (o Apóstolo) e Carlos Augusto Tibau (Tibau).

BLOG CRIADO em 10 de maio de 2002

04 agosto 2017

O  JAZZ  MORREU ? ? ? . . .

Complementando o “in concert” do “pod 373”, sugiro assistirem no “Youtube” a 03 apresentações que nos remetem à beleza e à eternidade do JAZZ.       Dois grupos distintos que constroem o melhor da  MUSICA.
(a)    Com o “Real Group” apresentando-se  para público restrito em “PASS ME THE JAZZ” na Södermalm Sessions  -  perfeição, beleza, “feeling”
(b)         Com o “Real Group” apresentando-se em teatro lotado, desfilando 05 temas de Count Basie sob o título “COUNT BASIE MEDLEY”  - mais Basie  impossível
(c)      A  “Sant Andreu Jazz Band”  de  Barcelona  sob  a  direção  de Chamorro (um músico e um formador de músicos desde  jovens), no tema de Benny Carter “EASY MONEY”, com a participação do saxofonista Jesse Davis (nascido em New  Orleans mas “parkeriano”), com a visão de jovens músicos dedicados ao futuro.
Divirtam-se, emocionem-se e depois digam-me se o “JAZZ morreu” ! ! !

PEDRO CARDOSO

Um comentário:

MARIO JORGE JACQUES disse...

Amigo Pedro, maravilhas!!! o Count Basie Medley obra prima e a Sant Andreu um exemplo real de que o jazz está aqui vivinho da silva, banda de jovens sensacional!!! e a trompetista solista heim? que notável. Valeu Pedro pelas dicas.