Editores e Colaboradores : Mauro Nahoum (Mau Nah), José Sá Filho (Sazz), Arlindo Coutinho (Goltinho); David Benechis (Bené-X), José Domingos Raffaelli (Mestre Raf) in memoriam, Luciana Pegorer (PegLu), Luiz Carlos Antunes (Llulla) in memoriam, Ivan Monteiro (I-Vans), Mario Jorge Jacques (MaJor), Gustavo Cunha (Guzz), José Flavio Garcia (JoFla), Alberto Kessel (BKessel), , Gilberto Brasil (BraGil), Reinaldo Figueiredo (Raynaldo), Claudia Fialho (LaClaudia), Marcelo Carvalho (Marcelón), Marcelo Siqueira (Marcelink), Pedro Wahmann (PWham), Nelson Reis (Nels), Pedro Cardoso (o Apóstolo) e Carlos Augusto Tibau (Tibau).

BLOG CRIADO em 10 de maio de 2002

07 maio 2017

VANGUARD JAZZ ORCHESTRA



Este mês comemora-se os 51 anos de jazz com a big band no famoso clube Village Vanguard, New York que se apresenta toda segunda-feira.
Há 51 anos, o trompetista e compositor Thad Jones e o baterista Mel Lewis (ambas as estrelas do jazz já conhecidas naqueles dias) tinham em suas mãos um maço de novos arranjos para grandes bandas, originalmente destinados à Count Basie Orchestra, mas não havia um grupo que pudesse interpretá-los.

Eles decidiram escolher alguns dos melhores músicos em Nova York que poderiam ser ensaiados na segunda-feira à noite, quando eles não funcionavam em estúdios de gravação. Eles fizeram então sua estréia no Village Vanguard, no início de 1966 sob o nome - Thad Jones-Mel Lewis Big Band.
A qualidade das performances e arranjos era tal que esse grupo foi liberado imediatamente como uma inovação, aparecendo toda segunda-feira no famoso clube.
A Thad Jones-Mel Lewis Big Band foi assim transformada em uma nova e poderosa influência no mundo do jazz que passou a irradiar a sua criatividade e força dentro e fora dos EUA.
Após a morte de Thad Jones, o grupo continuou a operar sob o nome da Mel Lewis Orchestra. Anos mais tarde, Lewis morreu, e a banda se tornou a atual VANGUARD JAZZ ORCHESTRA.
Atualmente a banda ainda inclui grandes músicos de jazz. Certamente os leitores desta postagem devem reconhecer alguns dos talentos que tocam nela:
Mat Jodrell, Jon Owens, Terell Stafford, Scott Wendholt, trompetes; Luis Bonilla, Jason Jackson, John Mosca, trombones; Douglas Purviance, trombone baixo; Dick Oatts, saxofone alto e flauta; Billy Drewes, saxes alto, soprano e flauta; Rich Perry, Ralph Lalama, sax tenor e flauta; Gary Smulyan, saxofone barítono; Michael Weiss, piano; David Wong, contrabaixo e John Riley, bateria.
Esta orquestra foi nominada quatro vezes para o prêmio Grammy e ganhou dois deles. Em diferentes anos, tem sido também nomeada a "melhor jazz big band" pela revista Down Beat e Jazz Times.
Sua discografia contempla mais de cinqüenta álbuns.
Aqui no PODCAST do CJUB temos incluído várias vezes estas orquestras.

(traduzido e adaptado do blog Noticias de Jazz)

Um comentário:

Anônimo disse...

SEMPRE ÓTIMAS BANDAS PODE PROGRAMAR MAIS MAJOR SEMPRE BEM VINDAS!

CARLOS LIMA