Editores e Colaboradores : Mauro Nahoum (Mau Nah), José Sá Filho (Sazz), Arlindo Coutinho (Goltinho); David Benechis (Bené-X), José Domingos Raffaelli (Mestre Raf) in memoriam, Luciana Pegorer (PegLu), Luiz Carlos Antunes (Llulla) in memoriam, Ivan Monteiro (I-Vans), Mario Jorge Jacques (MaJor), Gustavo Cunha (Guzz), José Flavio Garcia (JoFla), Alberto Kessel (BKessel), , Gilberto Brasil (BraGil), Reinaldo Figueiredo (Raynaldo), Claudia Fialho (LaClaudia), Marcelo Carvalho (Marcelón), Marcelo Siqueira (Marcelink), Pedro Wahmann (PWham), Nelson Reis (Nels), Pedro Cardoso (o Apóstolo) e Carlos Augusto Tibau (Tibau).

BLOG CRIADO em 10 de maio de 2002

08 abril 2016

P O D C A S T # 3 0 4



LEE  KONITZ




PARA BAIXAR O ARQUIVO DE ÁUDIO CLICAR NO LINK ABAIXO:


http://www53.zippyshare.com/v/okP4zODa/file.html


2 comentários:

Anônimo disse...

Estimado MÁRIO JORGE:

Belo foco sobre um músico extraordinário, inovador, técnico por excelência e um "feeling" à flor da pele.

PEDRO CARDOSO

Nelson disse...

Lee Konitz, Paul Desmond e John LaPorta são os sax-altos do jazz que tiram o "vibrato" do seu instrumento com a maior perfeição. Coisa essa, que não só é uma influência do "estilo cool", mas denota que o instrumentista teve um prévio estudo do clarinete, antes da adoção do sax-alto.
Konitz, nosso artista em foco hoje, demonstra bem isso nas faixas gravadas de "LEE KONITZ with WARNE MARSH"(Atlantic 1217 high fidelity)donde Mario foca aqui a faixa "Topsy". As figuras de uníssonos, terças e contraponto entre Lee e Warne são largamente utilizadas nas faixas desse disco célebre, cuja capa - na época - evocava entre os jazzófilos, as figuras políticas de João Goulard e Carlos Lacerda (semelhança fisionômica de ambos)
Para quem quiser "tirar a poeira" da discoteca, pegue o 'Kenton New Concepts of artistry in rhythm" e ouça "My Lady" onde Konitz demonstra toda sua classe nessa obra de Bill Russo para a Kenton Orchestra.
a Você Mario, meu MUITO OBRIGADO pelo "programão de jazz " no "pod" de hoje.

abç.
"Nels"