Editores e Colaboradores : Mauro Nahoum (Mau Nah), José Sá Filho (Sazz), Arlindo Coutinho (Goltinho); David Benechis (Bené-X), José Domingos Raffaelli (Mestre Raf) in memoriam, Luciana Pegorer (PegLu), Luiz Carlos Antunes (Llulla) in memoriam, Ivan Monteiro (I-Vans), Mario Jorge Jacques (MaJor), Gustavo Cunha (Guzz), José Flavio Garcia (JoFla), Alberto Kessel (BKessel), , Gilberto Brasil (BraGil), Reinaldo Figueiredo (Raynaldo), Claudia Fialho (LaClaudia), Marcelo Carvalho (Marcelón), Marcelo Siqueira (Marcelink), Pedro Wahmann (PWham), Nelson Reis (Nels), Pedro Cardoso (o Apóstolo) e Carlos Augusto Tibau (Tibau).

BLOG CRIADO em 10 de maio de 2002

31 dezembro 2015

P O D C A S T # 2 9 0




GERRY MULLIGAN 



PARA BAIXAR O ARQUIVO DE ÁUDIOhttp://www30.zippyshare.com/v/GaYgjwDi/file.html

29 dezembro 2015

CRÉDITOS DO PODCAST # 289

LIDER
EXECUTANTES
TEMAS / AUTORES
GRAVAÇÕES LOCAL e DATA
BEATRICE "BEA SATHIMA"
Bea Sathima (vcl), Kenny Barron (pi), Buster Williams (bx) e  Billy Higgins (bat)
INDIAN SUMMER
(Victor Herbert)
Englewood Cliffs, N.J., 17/junho/1985
Bea Sathima (vcl), Stephen Scott (pi), Basil Moses (bx) e  Lulu Gontsana (bat)
I'LL FOLLOW MY SECRET HEART
 (Noël Coward)
Cape Town, 18/fevereiro
/2002
CEDAR WALTON
Bob Berg (st), Cedar Walton (pi), Sam Jones (bx) e Billy Higgins (bat)
I'M NOT SURE (Cedar Walton)
Live "Montmartre", Copenhagen, Dinamarca, 1/outubro/1977
EDDIE CONDON
Wild Bill Davison (cnt), Cutty Cutshall (tb), Edmond Hall (cl), Gene Schroeder (pi), Eddie Condon (gt), Walter Page (bx) e Cliff Leeman (bat)
JA-DA 
(Bob Carleton)
New York, 24/novembro/1953
FLETCHER HENDERSON
Elmer Chambers, Howard Scott (cnt), Teddy Nixon (tb), Don Redman (cl,sa), Coleman Hawkins (st) com apenas 20 anos, Fletcher Henderson (pi), Charlie Dixon (bj), Ralph Escudero (tu) e Kaiser Marshall (bat)
COTTON PICKER'S BALL
(Elmer Schoebel) 
New York, 29/janeiro/1924
BOB BROOKMEYER
Bob Brookmeyer (pi), Jimmy Raney (gt), Teddy Kotick (bx) e Mel Lewis (bat)
THEY SAY IT'S WONDERFUL
   (Irving Berlin)      
New York, 30/junho/1955
TETE MONTOLIU
Tete Montoliu (pi), George Mraz (bx) e Al Foster (bat)
SCANDIAN SKIES (Kenny Dorham)
Copenhagen, Dinamarca, 22/março/1980
STANLEY CLARKE
Patrice Rushen (pi), Stanley Clarke (bx)  e Leon Ndugu Chancler (bat)
MACK THE KNIFE
(Marc Blitzstein / Bertolt Brecht / Kurt Weill)
Hollywood, CA, 2001
BIG JOE WILLIAMS
Big Joe Williams (gt 9 cordas, vcl) 
FORTY-FOUR BLUES
(Big Joe Williams) 
Greyhound, Mississippi, 14/dezembro/ 1969
AL COHN
Joe Newman (tp), Billy Byers (tb), Gene Quill (sa), Al Cohn (st,arr), Sol Schlinger (st), Sanford Gold (pi), Buddy Jones (bx) e Osie Johnson (bat)
SOMETHING FOR LIZA (Al Cohn)
New York, 23/dezembro/1954
JOHN COLTRANE
John Coltrane (st), Milt Jackson (vib), Hank Jones (pi), Paul Chambers (bx) e Connie Kay (bat)
BAGS AND TRANE (Milt Jackson)
New York, 15/janeiro/1959

28 dezembro 2015

LEMBRANDO BUDDY De FRANCO

Um ano sem o grande clarinetista Buddy De Franco, que abriu o caminho para a transição de seu instrumento do suingue ao bebop, morreu em 24 de dezembro do ano passado, aos 91 anos de idade e hoje queremos lembrá-lo mais uma vez .
DeFranco começou sua carreira como adolescente ao final da década dos anos 30 e começando a admirar Artie Shaw nos anos 40, atuou em gravações com Gene Krupa, Tommy Dorsey e Charlie Barnet. Na década seguinte, ele se juntou ao Count Basie Septeto. Gravou e participou em concertos com algumas das celebridades da época, como Frank Sinatra, Billie Holiday, Tony Bennett, Ella Fitzgerald, Nat King Cole, Oscar Peterson e Art Tatum.
Quando Charlie Parker e Dizzy Gillespie (entre outros) começaram a "revolução bop" Buddy DeFranco estava interessado e imediatamente formou um quarteto para desenvolver esse estilo com Art Blakey, Kenny Drew e Eugene Wright. 
Ele excursionou pela Europa em 1954 com a "Jazz at the Philharmonic", juntamente com o Oscar Peterson e Art Tatum, com quem gravou sessões históricas.
Nas décadas seguintes, ele trabalhou principalmente na televisão, incluindo o seu próprio show, mas continuou a dirigir grupos de jazz, especialmente com Terry Gibbs, na década de 80 e também 90.
Em sua carreira, ele recebeu inúmeros prêmios e honrarias. Em 2007,  ganhou o prêmio de maior prestígio nos EUA para músicos de jazz, NEA - National Endowment for the Arts (foto).
Buddy De Franco deixou gravado mais de 160 álbuns.
(adaptado de Noticias de Jazz)
Podemos ouví-lo e relembrá-lo em:

Buddy DeFranco Quartet: Buddy DeFranco (cl), Kenny Drew (pi), Milt Hinton (bx) e Art Blakey (bat)


Músicas: Ferdinando / Bass on Bolls / Show Eyes  
Gravação:     New York, 15/abril/1953






Para baixar o áudio: http://www63.zippyshare.com/v/0kkJtTN8/file.html

27 dezembro 2015

LEMBRANDO O SAXOFONISTA, FLAUTISTA E OBOÍSTA YUSEF LATEEF


No Natal de 2013, falecia o lendário músico de jazz Yusef Lateef (cujo nome original era Bill Evans antes de se converter ao Islã em 1950), aos 93 anos de idade, após uma carreira de mais de 5 décadas . Yusef Lateef executava principalmente sax tenor e flauta, oboé e fagote, assim como uma série de outros instrumentos de sopro nativos orientais, especialmente na última parte de sua carreira quando ele abraçou a "música do mundo". Lateef, que foi uma grande influência sobre John Coltrane, foi conhecido tocando com Milt Jackson, Paul Chambers, Elvin Jones e Kenny Burrell. Depois ele saiu em turnê com a orquestra de Dizzy Gillespie. Na primeira metade da década de 60 se juntou ao influente Cannonball Adderley Sextet. Ele gravou cerca de 70 álbuns como líder de seus próprios conjuntos, e outra quantidade considerável como parte de outras bandas, incluindo as de Adderley, Curtis Fuller, Charles Mingus, Art Farmer e muitos outros. Ele obteve graduação na Escola de Música de Manhattan na década de 60, onde tinha ido para estudar. Em seguida, ele obteve um doutorado na Universidade de Massachusetts. 
Em 1987, ele ganhou um Grammy por seu "Little Symphony", no qual tocou todos os instrumentos. Em 2010 ele foi incluído na lista da NEA Jazz Masters (Fundação Nacional das Artes), uma das maiores honras artísticas nos EUA. Lateef também publicou uma série de livros, incluindo sua autobiografía - "The Gentle Giant" . 

(adaptado de Noticias de Jazz de Pablo Aguirre)


24 dezembro 2015

P O D C A S T # 2 8 9

BEATRICE "BEA SATHIMA" 
AL COHN


STANLEY CLARKE 

BIG JOE WILLIAMS






PARA DOWNLOAD DO ÁUDIO CLICAR NO LINK ABAIXO:

http://www24.zippyshare.com/v/VB9ywRCy/file.html


22 dezembro 2015

CRÉDITOS DO PODCAST # 288

LIDER
EXECUTANTES
TEMAS / AUTORES
GRAVAÇÃO  LOCAL / DATA
WYNTON MARSALIS
Wynton Marsalis (tp), Ellis Marsalis (pi), Reginald Veal (bx) e Herlin Riley (bat)
BIG BUTTER AND EGG MAN
(Percy Venable)  
New York, c. 1990
TAKING A CHANCE ON LOVE
(John Latouche / Ted Fetter / Vernon Duke)
BUCK CLAYTON
Buck Clayton (tp), Vic Dickenson (tb), Pee Wee Russell (cl), Bud Freeman (st), George Wein (pi), Champ Jones (bx) e Jake Hanna (bat)
SUNDAY
(Benny Krueger / Chester Conn / Jule Styne / Ned Miller)
Live "Storyville Club", Boston, maio/1959
DEED I DO FROM
(Fred Rose / Walter Hirsch)
BENNIE GREEN
Bennie Green (tb), Eddy Williams (st), Gildo Mahones (pi), George Tucker (bx) e Al Dreares (bat)
ALL I DO IS DREAM OF YOU
 (Arthur Freed / Herb Brown)
Hackensack, N.J., 25/janeiro/1959
THE SHOUTER
(Gildo Mahones / Jon Hendricks)
OSCAR MOORE
Carl Perkins (pi), Oscar Moore (gt), Joe Comfort (bx) e George Jenkins (bat)
THE NEARNESS OF YOU
(Hoagy Carmichael / Ned Washington)
Hollywood, CA, 10/setembro/ 1954
BLUES IN B FLAT
(Louie Bellson / Benny Carter / John Lewis / Oscar Moore) 
BILLY TAYLOR
Billy Taylor (pi), Christian McBride (bx), Marvin "Smitty" Smith (bat)
AT LA CAROUSEL (Billy Taylor)
New York, 1993
LOOKIN' UP (Billy Taylor)
CANNONBALL ADDERLEY
Nat Adderley (cnt,vcl), Cannonball Adderley (sa, ldr), Joe Zawinul (pi), Herbie Lewis (bx) e Roy McCurdy (bat)
CANNON'S THEME (Sam Jones) 
Live at "The Club", Chicago, 19/março/ 1966
HEAR ME TALKIN' TO YA
(Don Redman / Louis Armstrong / Ma Rainey)
TERELL STAFFORD
Terell Stafford (flh), Bruce Barth (pi, arranjo), Tim Warfield (st), Peter Washington (bx) e Dana Hall (bat)
RAINCHECK (Billy Strayhorn)
New York, 17/maio/ 2010

21 dezembro 2015

CANTOR (a) DE JAZZ ? EIS A QUESTÃO

Há dias um amigo me perguntou – “Sinatra poderia ser considerado um cantor de jazz?”.
O que respondí é o que comento no verbete JAZZ SINGER  do Livro GLOSSÁRIO DO JAZZ e que aqui transcrevo a seguir:

JAZZ SINGER  - realmente significa cantor de Jazz porém não é muito simples definir ou classificar determinado cantor como sendo de Jazz, inclusive existem uns que nem gostam de assim serem rotulados. Quase sempre se estabelece uma polêmica sobre se tal ou qual cantor seja ou não de Jazz.
Bem, para ser um cantor de Jazz não é obrigatório o emprego do improviso vocal do tipo scat singing, mas precisa ter algo da "gramática" do Jazz, ou seja, em uma execução ter swing (balanço), quando desloca acentos, flutua com os tempos enfim saber usar o “beat”(*) como uma forma de improviso. O repertório deve ser adequado, vez por outra um blues, bem como as inflexões da voz e o fraseado, e principalmente, ser acompanhado por músicos de Jazz porque dentro do conjunto, voz e instrumentos se complementam em uma atmosfera inteiramente jazzística.
Jazz é puro "feeling", sentimento e não rótulo!
Pode-se considerar Jazz Singer  alguns cantores do blues clássico como: Alberta Hunter, Bessie Smith, Gertrude "Ma" Rainey, Ida Cox, Lizzie Miles, Mamie Smith, Victoria Spivey e outras... Alguns dos considerados indubitáveis Jazz Singer são: Annita O'Day, Betty Carter, Billie Holiday, Carmen McRae, Diane Schuur, Dinah Washington, Dianne Reeves, Ella Fitzgerald, Jimmy Rushing, Joe Williams, Jon Hendricks, Maxine Sullivan, Mel Tormé, Sarah Vaughan e muitos outros.
Alguns fazem o gênero "vez por outra no Jazz" como a maioria das "lady crooners" das big bands na era swing e ainda cantores como: Bing Crosby, Frank Sinatra, Frankie Laine, Lena Horne, Nina Simone, Peggy Lee,  Rosemary Clooney, Tony Bennet e outros... Existem ainda aqueles que não sendo propriamente cantores, mas líderes de conjuntos vocalizam também o Jazz, tais como: Cab Calloway, Chet Baker, Dizzy Gillespie, Doc Cheathan, Louis Armstrong, Woody Hermann, dentre muitos...

(*) beat - palavra inglesa que designa os tempos ou batidas de um compasso musical e que se emprega no Jazz de modo mais enfático como sinônimo de pulsação rítmica. Um músico ou banda que tem beat significa que tem balanço (swing), boa acentuação e também mantem ótimo tempo do compasso. A ritmica de uma execução é parte importantísima no Jazz.

18 dezembro 2015

P O D C A S T # 2 8 8


BILLY TAYLOR
OSCAR MOORE


TERELL STAFFORD


PARA BAIXAR O ÁUDIO CLICAR NO LINK ABAIXO:

http://www72.zippyshare.com/v/SPpxx0Nt/file.html

16 dezembro 2015

CRÉDITOS DO PODCAST # 287

LIDER
EXECUTANTES
TEMAS / AUTORES
GRAVAÇÕES LOCAL e DATA
SCOTT HAMILTON
Scott Hamilton & Friends : Scott Hamilton (st), Gene Ludwig (org), Duke Robillard (gt) e Chuck Riggs (bat) (1) Doug James (sbar)
SOMETHING FOR RED
 (Scott Hamilton)
Englewood Cliffs, N.J., 19/junho/2007
INTERMISSION RIFF (1)
 (Michael H. Goldsen / Ray Wetzel)
Scott Hamilton (st), Tim Ray (pi), Duke Robillard (gt), Dave Zinno (bx) e Jim Gwin guáiam (bat)
FOOLIN MYSELF
 (Jack Lawrence / Peter Tinturin)
West Greenwich, Rhode Island, fevereiro/2012
Bill Berry (tp), Scott Hamilton (st), Nat Pierce (pi), Monty Budwig (bx) e Jake Hanna (bat)
STUFFY (Coleman Hawkins)
Hollywood, CA, 10/março/1977
Scott Hamilton (st), Ruby Braff (cnt), Alan Broadbent (pi), Ray Brown (bx) e Jake Hanna (bat)
BACK HOME AGAIN IN INDIANA (Ballard MacDonald / James F. Hanley)
New York, 1967
Scott Hamilton (st), Brian Lemon (pi), Dave Green (bx) e Allan Ganley (bat)
BERNIE’S TUNE
(Bernard Miller / Jerry Leiber / Mike Stoller)
New York, 1952
Scandinavian Five: Scott Hamilton (st), Jan Lundgren (pi), Ulf Wakenius
 (gt) Jesper Bodilsen (bx) e Kristian Leth kraiten lit (bat)
IN A SENTIMENTAL MOOD
 (Duke Ellington / Manny Kurtz / Irving Mills)
Live "Jazzclub Nefertiti", Gothenburg,  Suécia, 7/dezembro/2007
Scott Hamilton (st), Howard Alden (gt) e Frank Tate (bx)
WITH SOMEONE NEW (Flip Phillips)
New York, 5/março/2010
I WON’T DANCE
 (Dorothy Fields / Jerome Kern / Jimmy McHugh / Oscar Hammerstein II / Otto Harbach)
Scott Hamilton (st), Bill Charlap (pi), Peter Washington (bx) e Kenny Washington (bat)
FINE AND DANDY
(Kay Swift / Paul James)  
New York, 10/setembro/2004
: Scott Hamilton (st) John Bunch (pi), Dave Green (bx) e Steve Brown (bat)
BYAS A DRINK (Don Byas)     
Wimbledon, Inglaterra, 6/junho/2000
Scott Hamilton (st), Gene Ludwig (org), Duke Robillard (gt) e Chuck Riggs (bat)
COP OUT (Duke Ellington)
Englewood Cliffs, N.J., 19/junho/2007

14 dezembro 2015

Grammy Awards nomeações para JAZZ - 2016


Os nomeados para os Grammy Awards Jazz deste ano já foram anunciados. Os vencedores serão homenageados na cerimônia de premiação 580 em 15 de fevereiro em Los Angeles.
O pianista de jazz filho de Joey Alexander está nomeado para os prêmios. Arturo O'Farrill também tem duas indicações.
A lista de nomeações nas várias categorias de jazz é a seguinte: 


BEST IMPROVISED JAZZ SOLO
“Giant Steps”
Joey Alexander, soloist
Track from: My Favorite Things

“Cherokee”
Christian McBride, soloist
Track from: Live At The Village Vanguard (Christian McBride Trio)

“Arbiters Of Evolution”
Donny McCaslin, soloist
Track from: The Thompson Fields (Maria Schneider Orchestra)

“Friend Or Foe”
Joshua Redman, soloist
Track from: The Bad Plus Joshua Redman (The Bad Plus Joshua Redman)

“Past Present”
John Scofield, soloist
Track from: Past Present

BEST JAZZ VOCAL ALBUM
Many A New Day: Karrin Allyson Sings Rodgers & Hammerstein
Karrin Allyson

Find A Heart
Denise Donatelli

Flirting With Disaster
Lorraine Feather

Jamison
Jamison Ross

For One To Love
Cécile McLorin Salvant

BEST JAZZ INSTRUMENTAL ALBUM
My Favorite Things
Joey Alexander

Breathless
Terence Blanchard Featuring The E-Collective

Covered: Recorded Live At Capitol Studios
Robert Glasper & The Robert Glasper Trio

Beautiful Life
Jimmy Greene

Past Present
John Scofield

BEST LARGE JAZZ ENSEMBLE ALBUM
Lines Of Color
Gil Evans Project

Köln
Marshall Gilkes & WDR Big Band

Cuba: The Conversation Continues
Arturo O'Farrill & The Afro Latin Jazz Orchestra

The Thompson Fields
Maria Schneider Orchestra

Home Suite Home
Patrick Williams

BEST LATIN JAZZ ALBUM
Made In Brazil
Eliane Elias

Impromptu
The Rodriguez Brothers

Suite Caminos
Gonzalo Rubalcaba

Intercambio
Wayne Wallace Latin Jazz Quintet

Identities Are Changeable
Miguel Zenón

Other jazz-related nominations include:

BEST TRADITIONAL POP VOCAL ALBUM
The Silver Lining: The Songs Of Jerome Kern
Tony Bennett & Bill Charlap

BEST CONTEMPORARY INSTRUMENTAL ALBUM
Guitar In The Space Age!
Bill Frisell

Love Language
Wouter Kellerman

Afrodeezia
Marcus Miller

Sylva
Snarky Puppy & Metropole Orkest

The Gospel According To Jazz, Chapter IV
Kirk Whalum

BEST SCORE SOUNDTRACK FOR VISUAL MEDIA
Birdman
Antonio Sanchez, composer


"Civil War"
Bob Mintzer, composer (Bob Mintzer Big Band)
Track from: Get Up!

"Neil"
Rich DeRosa, composer (University Of North Texas One O'Clock Lab Band)
Track from: Lab 2015

"Vesper"
Marshall Gilkes, composer (Marshall Gilkes & WDR Big Band)
Track from: Köln


BEST ARRANGEMENT, INSTRUMENTS AND VOCALS
"Be My Muse"
Shelly Berg, arranger (Lorraine Feather)

"52nd & Broadway"
Patrick Williams, arranger (Patrick Williams Featuring Patti Austin)
Track from: Home Suite Home

"When I Come Home"
Jimmy Greene, arranger (Jimmy Greene With Javier Colon)
Track from: Beautiful Life

BEST HISTORICAL ALBUM
The Complete Concert By The Sea
Geri Allen, Jocelyn Arem & Steve Rosenthal, compilation producers; Jessica Thompson, mastering engineer (Erroll Garner)

BEST INSTRUMENTAL COMPOSITION
"The Afro Latin Jazz Suite"
Arturo O'Farrill, composer (Arturo O'Farrill & The Afro Latin Jazz Orchestra Featuring Rudresh Mahanthappa)
Track from: Cuba: The Conversation Continues
BEST ARRANGEMENT, INSTRUMENTAL OR A CAPPELLA
"Ghost Of A Chance"
Bob James, arranger (Bob James & Nathan East)
Track from: The New Cool

"You And The Night And The Music"
John Fedchock, arranger (John Fedchock New York Big Band)
Track from: Like It Is