Editores e Colaboradores : Mauro Nahoum (Mau Nah), José Sá Filho (Sazz), Arlindo Coutinho (Goltinho); David Benechis (Bené-X), José Domingos Raffaelli (Mestre Raf) in memoriam, Luciana Pegorer (PegLu), Luiz Carlos Antunes (Llulla) in memoriam, Ivan Monteiro (I-Vans), Mario Jorge Jacques (MaJor), Gustavo Cunha (Guzz), José Flavio Garcia (JoFla), Alberto Kessel (BKessel), , Gilberto Brasil (BraGil), Reinaldo Figueiredo (Raynaldo), Claudia Fialho (LaClaudia), Marcelo Carvalho (Marcelón), Marcelo Siqueira (Marcelink), Pedro Wahmann (PWham), Nelson Reis (Nels), Pedro Cardoso (o Apóstolo) e Carlos Augusto Tibau (Tibau).

BLOG CRIADO em 10 de maio de 2002

01 junho 2011

RAYNALDO VOLTA A ATACAR COM ARTE

Recebemos de presente do nosso mais famoso colaborador, dublê de contrabaixista, humorista e grande boa-praça - e eterno sacaneado pelos demais Cassetas, por conta de sua paixão pelo jazz -, RayNaldo, a série de charges que fez do "famoso crítico internacional" Leonard Plume e seu delicioso diário (em referência ao idem idem Leonard Feather, decano dos colunistas e comentaristas jazzísticos). Muitas delas só serão captadas integralmente pelo povo que acompanha o jazz e arredores, mas nada como dar uma ótima "pista" para os neófitos se interessarem pelo assunto.

Cliquem nas imagens para ampliá-las e assim poderem se esbaldar com a magnífica série, publicada anteriormente no Segundo Caderno do jornal O Globo.

7 comentários:

APÓSTOLO disse...

Esse é "O" humorista !

Bene-X disse...

Valeu Raynaldo ! Sensacional a tira, E viva o Terése ... Abs.,

llulla disse...

Todas muito boas mas a do Roditi é sensacional. Queremos mais.
llulla

Beto Kessel disse...

Ao abrir o Globo aos domingos torco para encontrar a charge do Reinaldo, se possivel abordando o Jazz.

Sou fa dele desde os tempos de faculdade, quando lia o Pasquim e depois o planeta diario, alem de gostar muito da sonoridade da Cia Estadual de Jazz...

Valeu Raynaldo

Beto Kessel

Bene-X disse...

Humor refinadíssimo, e, o que é melhor, totalmente na nossa praia, turma. Sensacional ! Além disso, um privilégio.

figbatera disse...

Muito bom mesmo! Adorei.

Mau Nah disse...

Ô RayNaldo,
diante do sucesso estrondoso, que tal botar a gente no automático?
Tem muito leitor aqui de outras localidades e que não necessariamente lê o GLOBO. Seria uma oportunidade de vc. divulgar seu trabalho e em alguns anos ficar milionário, vivendo só disso, sem precisar mais fazer o papel (excelente, diga-se) de Itamar Franco) na TV.
Pensa nisso.
Abração.