Editores e Colaboradores : Mauro Nahoum (Mau Nah), José Sá Filho (Sazz), Arlindo Coutinho (Goltinho); David Benechis (Bené-X), José Domingos Raffaelli (Mestre Raf) in memoriam, Luciana Pegorer (PegLu), Luiz Carlos Antunes (Llulla) in memoriam, Ivan Monteiro (I-Vans), Mario Jorge Jacques (MaJor), Gustavo Cunha (Guzz), José Flavio Garcia (JoFla), Alberto Kessel (BKessel), , Gilberto Brasil (BraGil), Reinaldo Figueiredo (Raynaldo), Claudia Fialho (LaClaudia), Marcelo Carvalho (Marcelón), Marcelo Siqueira (Marcelink), Pedro Wahmann (PWham), Nelson Reis (Nels), Pedro Cardoso (o Apóstolo) e Carlos Augusto Tibau (Tibau).

BLOG CRIADO em 10 de maio de 2002

05 junho 2011

RAY BRYANT (1931 / 2-6-2011)

Foi-se mais um grande pianista de Jazz, conhecido como “um tradicionalista moderno”, pela maneira como que interpretava os “blues”.

Ray Bryant contava 80 anos e construiu uma carreira sólida , firmada numa espetacular discografia como solista e acompanhando grandes intérpretes músicos e cantores. Segundo as noticias, Bryant sucumbiu após uma longa luta contra pertinaz doença.

RIP

12 comentários:

RENAJAZZ disse...

RAY BRYANT FOI UM DOS MUITOS MUSICOS DE JAZZ QUE EU PASSEI A CONHECER OUVINDO SEU PROGRAMA MESTRE.... DEIXO AQUI UM LINK DE UM DOS SEUS DISCOS

http://www.mediafire.com/?qk5afxr0qrqouf5

RAY BRYANT TRIO

Nelson disse...

Mais um que passa para o "andar de cima". É uma geração de bons, que deixa mais um lacuna.

Rest in peace

"Nels"

APÓSTOLO disse...

Mestre LULA:

Ranato e Nelson já falaram por muitos de nós = perdemos fisicamente um dos grandes, mas que nos deixou belo e coerente legado discográfico (e filmográfico), do qual poderemos desfrutar até a consumação de nossos rápidos dias.

José Domingos Raffaelli disse...

Llulla e demais correligionários,

Ausente há algum tempo das lides jazzísticas, retorno à atividade para inteirar-me das novidades.
Infelizmente, a primeira é triste.
Vocês estão absolutamente certos em relação a Ray Bryant. Brilhante, sem qualquer dúvida. Considerando sua obra sempre com participações e discos impecáveis, a meu ver ele foi underrated.
A propósito, ele era tio dos irmãos Eubanks (trombonista Robin, guitarrista Kevin e baixista Albert).
Tenho um LP dele em piano solo gravado ao vivo em Montreux que é "papa finíssima"....

Keep swinging,
Raf

MauNah disse...

1. Felicíssimo estou, apesar da notícia do Bryant, de rever por aqui nosso Grande Mestre JOSÉ DOMINGOS RAFFAELLI (Raf, aqui no muro), pilotando novamente o computador, firme no teclado. É um prazer "blenorrágico", Mestre!


2. É de Bryant, segundo meu humilde julgamento, a mais entusiastica e balançante versão do trilhadíssimo standard "Take the A Train" (de B. Strayhorn). O que Ray faz com a canhota nas teclas, um verdadeiro "solo harmonico" se é que isso existe, enquanto aplica um vertiginoso ritmo com a mão direita, é de botar qualquer jovem, até então desinteressado pelo jazz, no caminho correto da música de qualidade.
Seu vídeo de 1977 deveria ser mostrado nas escolas fundamentais brasileiras uma vez por ano, no Dia do Músico, como exemplo. Às conclusões, as crianças chegariam depois, anos depois, sozinhas.

Não vinha ouvindo Ray em gravações recentes, quem puder recomenda uma, caso haja algo de destaque?

Grato,
MauNah

RENAJAZZ disse...

BEM AQUI VÃO MAIS DUA OBRAS DE RAY BRYANT

http://www.mediafire.com/?rfr7un8ua5h8y18
RAY BRYANT TRIO
NEW JAZZ

http://www.mediafire.com/?errr8mqnx5odlrn
RAY BRYANT
ALONE WITH THE BLUES
PIANO SOLO

Fernando disse...

Gostei muito dos albuns postados, principalmente o Alone with the Blues.

Sou novo por aqui e tenho aprendido bastante com tantos mestres.

Aproveito para colocar mais alguns discos de Ray Bryant:

Meet Betty Carter And Ray Bryant (1956)
http://www.sendspace.com/file/jr0rj5

Ray Bryant - Lonesome Traveler (1966)
http://www.sendspace.com/file/rx216k

Ray Bryant - Up Above The Rock (1968)
http://www.sendspace.com/file/zh8xh0

Ray Bryant - Solo Flight (1977)
http://www.sendspace.com/file/kj5ggu

Abraço,
Fernando

José Domingos Raffaelli disse...

Com relação às gravações de Ray Bryant, endosso as recomendações para "Here's Ray Bryant" e "Ray Bryant Trio".
Tenho ambos e considero-os ótimos exemplos da arte do piano-jazz de Ray Bryant.

O Ray Bryant Trio tem os seguintes temas:

1."Golden Earings"
2."Angel Eyes"
3."Blues Changes"
4."Splittin'"
5."Django"
6."The Thrill is Gone"
7."Daahoud"
8."Sonar"

Lembremos que Ray Bryant gravou um disco com Miles Davis nos anos 50. Na ocasião, Miles aventou a possibilidade de contratá-lo, mas isso jamais materializou-se.]

Keep Swinging,

RAF

José Domingos Raffaelli disse...

Prezados confrades,

Um adendo: o disco de Miles Davis com Ray Bryant que mencionei foi Miles Davis and Milt Jackson Quintet/Sextet (PRESTIGE), com Jackie McLean, Milt Jackson, Ray Bryant, Percy Heath e Art Taylor, Gravado em 5 de agosto de 1955

O repertório inclui BLUES CHANGES, de autoria de Ray.

Keep swinging,

RAF

RENAJAZZ disse...

http://www.mediafire.com/?qimawe522f5qm54

este é o disco em quastão

MILES DAVIS QUINTET E SEXTET COM PARTICIPAÇÃO DE RAY BRAYNT VALEU PELA DICA MESTRE RAFFA

Fernando disse...

Segue o Here's Ray Bryant (1976):
http://www.sendspace.com/file/gfo1zy

Abraço,
Fernando

RENAJAZZ disse...

www.mediafire.com/?2d72oixp3gf27dg


THE RAY BRYANT TOUCH

http://www.mediafire.com/?1ezygwpuhimpqac

THE RAYBRYANT SLOW FREIGHT

COMFESSO QUE ESTES EU AINDA NÃO OUVI SO BAIXEI