Editores e Colaboradores : Mauro Nahoum (Mau Nah), José Sá Filho (Sazz), Arlindo Coutinho (Goltinho); David Benechis (Bené-X), José Domingos Raffaelli (Mestre Raf) in memoriam, Luciana Pegorer (PegLu), Luiz Carlos Antunes (Llulla) in memoriam, Ivan Monteiro (I-Vans), Mario Jorge Jacques (MaJor), Gustavo Cunha (Guzz), José Flavio Garcia (JoFla), Alberto Kessel (BKessel), , Gilberto Brasil (BraGil), Reinaldo Figueiredo (Raynaldo), Claudia Fialho (LaClaudia), Marcelo Carvalho (Marcelón), Marcelo Siqueira (Marcelink), Pedro Wahmann (PWham), Nelson Reis (Nels), Pedro Cardoso (o Apóstolo) e Carlos Augusto Tibau (Tibau).

BLOG CRIADO em 10 de maio de 2002

06 outubro 2010

MARCOS AMORIM TRIO NA SALA FUNARTE, RJ

2 comentários:

Bene-X disse...

Imperdível por 3 moivos:

1) Amorim, o líder: guitarrista altamente inventivo e de escolha sempre precisa e feliz das notas a que recorre, porém injustamente underrated, pois pode alinhar com qualquer expoente do jazz, no instrumento, no mundo;

2) Villa: de há muito considero a maior revelação no baixo acústico, surgida na última década, entre nós. Som denso, limpo e encorpado, amplo conhecimento do idioma e alta versatilidade, em vários estilos.

3) R. Silva: preciso dizer alguma coisa ? É o Tony Williams do sambop. O próprio Tony, quando esteve no Free Jazz de 92, foi convidado pelo Robertinnho no saudoso JazzMania pra dar uma "canja" e, após hesitar antes deaceitar, disse pro brazuca: "Man, I came here just to hear YOU !"

4) A Sala Funarte (já não vou há algum tempo), detém a melhor acústica, disparado, do Rio, paraeste tipo de formação.

Abs.,

Anônimo disse...

Marquinhos é mestre!! certamente figura entre os melhores guitarristas de jazz do planeta.
queria ter visto!
fabiano