Editores e Colaboradores : Mauro Nahoum (Mau Nah), José Sá Filho (Sazz), Arlindo Coutinho (Goltinho); David Benechis (Bené-X), José Domingos Raffaelli (Mestre Raf) in memoriam, Luciana Pegorer (PegLu), Luiz Carlos Antunes (Llulla) in memoriam, Ivan Monteiro (I-Vans), Mario Jorge Jacques (MaJor), Gustavo Cunha (Guzz), José Flavio Garcia (JoFla), Alberto Kessel (BKessel), , Gilberto Brasil (BraGil), Reinaldo Figueiredo (Raynaldo), Claudia Fialho (LaClaudia), Marcelo Carvalho (Marcelón), Marcelo Siqueira (Marcelink), Pedro Wahmann (PWham), Nelson Reis (Nels), Pedro Cardoso (o Apóstolo) e Carlos Augusto Tibau (Tibau).

BLOG CRIADO em 10 de maio de 2002

21 agosto 2007

SÓ DEU ELE ONTEM, NA IMPRENSA: VICTOR BIGLIONE


Victor Biglione foi vitrine de luxo ontem, na imprensa.

O guitarrista, violonista, arranjador, compositor e - para nosso privilégio - grande amigo e incentivador do CJUB, saiu vencedor do Festival de Gramado, ganhando o prêmio, por unanimidade, na categoria QUALIDADE ARTÍSTICA, pela trilha sonora do filme Condor, de Roberto Mader.

Vale ressaltar que trilhas sonoras não são objeto de premiação regular, em Gramado, e só recebem o Kikito em ocasiões excepcionais, quando, pelo alto nível do trabalho, o juri decide agraciá-las com o referido prêmio QUALIDADE ARTÍSTICA.

Biglione é cinéfilo de carteirinha, grande conhecedor da 7ª arte e já prestou relevantes serviços ao cinema nacional, assinando outras trilhas de filmes de prestígio.

Notícia de ontem, 20 de agosto, do Jornal O Globo, pág. 2 do "Segundo Caderno".

Logo abaixo, na mesma página, Luiz Paulo Horta, em sua tradicional coluna de 2ª-feira, destaca, entre os concertos de música clássica mais relevantes no período, a reprise, no próximo domingo (26/8), da Ópera-rock "Tommy" (The Who), na "Sala Cecília Meirelles, em versão para 16 violoncelos" e ... ele mesmo, Victor Biglione.

Ontem só deu o cara, gente !

Parabéns, Vitinho, e muito sucesso. V. merece !

Nenhum comentário: